Página Inicial Estudar Alemanha tem diversas oportunidades de estudos

Alemanha tem diversas oportunidades de estudos

Apesar de o idioma alemão ser considerado um dos mais complexos, principalmente por estudantes brasileiros que raramente têm oportunidade de ter contato com a língua germânica, há diversas instituições conceituadas de Ensino Superior na Alemanha, procuradas por alunos estrangeiros que desejam contar com uma experiência no exterior.

Maior economia da Europa e terceira maior do mundo, atrás apenas de Estados Unidos e Japão, a Alemanha detém Ensino Superior de referência mundial em áreas como Engenharia, Informática, Tecnologia, Medicina e Ciências Humanas. Confira as oportunidades de bolsas com inscrições abertas oferecidas para estudos no país. Há vagas para pós-graduação, cursos de inverno, de idioma e cultura alemã.

Entre os programas do DAAD (Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico), estão abertas as candidaturas para os cursos de inverno. Quem tiver interesse em aprender alemão e também conhecer um pouco mais a cultura do país pode se inscrever até 15 de fevereiro.

Já a Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) recebe inscrições para quatro programas: Doutorado sanduíche, Auxílio para estadias de pesquisas na Alemanha e Intercâmbio Científico de Curta Duração. O período da candidatura varia de acordo com o programa.

A Fundação Konrad Adenauer também está com as inscrições abertas até o dia 21 de março para bolsas de pós-graduação. Além de bolsas mensais variáveis de acordo com o grau de qualificação do estudante, o programa oferece aos participantes passagens aéreas de ida e volta, seguro saúde, auxílio para compra de livros e curso intensivo de Alemão no Instituto Goethe, em Mannheim, como preparação para o exame de proficiência.

Os cientistas sociais da América Latina também podem garantir a sua vaga no ensino alemão, por meio do programa de bolsas Thyssen-Humboldt 2009/2010. A iniciativa, promovida pela Fundação Humboldt, em cooperação com a Fritz Thyssen, beneficia pesquisadores latino-americanos das áreas de ciências jurídicas, econômicas e sociais. Os interessados podem se candidatar até o dia 30 de abril.

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta