Página Inicial Estudar Informações para quem deseja estudar no Canadá

Informações para quem deseja estudar no Canadá

Todos os anos, dezenas de milhares de estudantes escolhem o Canadá para estudar. Buscam tudo, desde programa de high school (colegial) e acampamentos de verão, passando por treinamento intensivo em inglês ou francês, até cursos de graduação e pós-graduação, além de treinamento profissional e técnico.

O Canadá possui várias opções de estudo superior a preços competitivos e um ambiente caloroso e amistoso. Os diplomas das universidades canadenses são reconhecidos mundialmente, inclusive como base para admissão nos mais prestigiados programas de graduação e profissionais da América do Norte e da Europa. E, por vários anos consecutivos, uma pesquisa das Nações Unidas considerou o Canadá o melhor lugar do mundo para se viver; as principais razões para isso foram à baixa taxa de criminalidade e violência, espaços naturais bem preservados e acesso universal à educação e aos serviços de saúde.

As línguas oficiais do Canadá são o inglês e o francês e existem programas nesses dois idiomas para alunos internacionais.

Como o Brasil, o Canadá é um país de imigrantes.

Possui tradição, e a política de estimular a diversidade multicultural de forma que mesmo os filhos de imigrantes costumam aprender o idioma e a herança de seus antepassados.

Quase todas as etnias do mundo estão representadas no Canadá, tornando-a uma sociedade muito cosmopolita e aberta na qual alunos estrangeiros sentem-se bem vindos e à vontade o suficiente para aproveitar ao máximo seu intercâmbio cultural.

Dada a sua altíssima qualidade, a educação no Canadá tem um preço surpreendentemente acessível. Um programa intensivo de idiomas de um, dois ou seis meses custa menos do que em outros países que oferecem programas semelhantes; um ano acadêmico em uma universidade ou faculdade canadense (mensalidade mais despesas pessoais) também custa menos para alunos internacionais do que programas semelhantes em outros países. Assim, alunos estrangeiros com uma quantia fixa para investir em educação internacional podem estender sua experiência por um período maior de tempo ao escolher o Canadá. O custo de vida no Canadá é, em geral, bem baixo e o dólar canadense vale menos do que o dólar americano e a libra esterlina; além disso, nos últimos anos a inflação do Canadá foi uma das mais baixas do mundo industrializado.

O sistema educacional canadense combina instituições públicas e particulares. Mais de 90% dos alunos canadenses frequentam escolas públicas para educação primária e secundária, e praticamente todas as universidades e faculdades comunitárias são públicas, embora os alunos devam pagar para frequentá-las. No entanto, existem também várias faculdades que oferecem programas profissionais pós-secundários, e pode-se frequentar programas intensivos de idiomas tanto em escolas particulares quanto em instituições públicas.

A admissão aos programas das faculdades e universidades canadenses é baseada principalmente no desempenho acadêmico medido através de notas obtidas no curso secundário; embora não exista vestibular no Canadá, algumas escolas levam em consideração os resultados dos vestibulares brasileiros. Quase todas exigem alguma prova de sua capacidade para estudar em inglês ou francês, tal como o TOEFL (Teste de Inglês como Língua Estrangeira) ou IELTS. Vale a pena observar que determinados programas profissionais, como Direito, Medicina, Odontologia e Arquitetura são oferecidos apenas no nível de graduação em outras disciplinas. Além dos programas de pré-graduação com duração de quatro anos, dos programas das faculdades com duração de dois ou três anos e do nível de graduação (Mestrado e Doutorado), mais e mais universidades estão também desenvolvendo programas de Estudos no Exterior que permitem que alunos estrangeiros freqüentem apenas um ou dois semestres no Canadá e depois voltem a seu país natal para completar seus estudos.

É muito simples obter os documentos necessários para estudar no Canadá.

Qualquer um que deseje freqüentar um curso intensivo de idiomas por até três meses precisa apenas obter um visto normal de entrada; para qualquer outro programa de estudo o aluno também precisa obter uma autorização de estudante. Embora não haja uma permissão automática para que alunos estrangeiros trabalhem no Canadá, existem três exceções: podem fazer estágio no Canadá, se isso for parte de seu programa de estudos numa instituição canadense; podem trabalhar até 10 horas por semana no campus se estiverem matriculados em um curso pós-secundário de período integral; e podem trabalhar durante um ano no Canadá depois de se formar em tal programa.

Fonte: estude no exterior

COMPARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Olá
    Agora fiquei um pouco tranquila quando li o texto. Achar informações sobre alguns assuntos nao e facil..
    Fiquei com uma duvida vc poderia me esclarecer.
    Eu irei para o canadá como residente permenente como eu faço para transferir minha faculdade pra lá
    estou indo para o 5º período de Enfermagem.
    Quais sao os passos o pessoas q eu devo procurar ao chegar lá.
    Não falo muito bem o ingles ainda, estou terminando estudado ingles Intensivo antes de viajar quero ir pelo menos com o intermediario, o idioma e uma barra complicada para qualquer imigrante

    obrigado pela ajuda

  2. @ Glenda

    Primeiramente, obrigado pela sua participação.

    Olha, para obter informações sobre o reconhecimento ou homologação de títulos acadêmicos e diplomas profissionais estrangeiros no Canadá, você pode entrar em contato com:

    Canadian Information Centre for International Credentials/Centre d?information canadien sur les diplômes internationaux

    Veja mais informações no link abaixo:

    > http://canadabrasileiro.wordpress.com/2008/06/23/equivalencias-de-estudos-entre-o-brasil-e-canada/

    😉

  3. Boa noite

    Realmente é um pouco dificil de se obter informcoes sobre o assunto, e as vezes elas sao um pouco conflitantes. Já sou graduado aqui no Brasil, em Educacao Física, mas gostaria de aliar 2 de meus sonhos: morar fora e estudar medicina. Como eu deveria proceder? Será que por já ser formado e dominar o ingles teria vantagem no processo? Onde procurar informacoes??

    Agradeço desde já

  4. @ Cléber

    Para trabalhar como médico aqui no Canadá, você precisa fazer 3 exames:

    1 – MCCEE
    2 – MCCEQ1
    3 – MCCEQ2

    O mais difícil é o MCCEQ1. Os outros são mais fáceis.

    Veja esse link do The College of physicians & surgeons of Ontario maiores informações:
    > http://www.cpso.on.ca

    Abaixo você encontra uma relação para outras províncias:
    > http://www.mcc.ca/english/aboutMCC/links.html

    Outro link que você deve dar uma verificada é no Medical Council of Canada. Nele você encontra mais informações sobre os exames que citei acima.
    > http://www.mcc.ca

    Para informações de cursos nas universidades canadenses, por favor, acesse o link abaixo:
    > http://canadabrasileiro.wordpress.com/2007/03/30/relacao-de-universidades-canadenses/

    Obrigado pela participação.

  5. Olá, tenho 18 e vou me formar no ensino médio este ano, mas não pretendo prestar vestibular pois quero cursar faculdade no Canadá.
    Quero cursar meu ensino superior TODO no Canadá, e se tudo der certo, conseguir o visto de cidadão permanente ao final do meu curso, mas só vejo informações sobre fazer 1-2 semestres e depois ter que voltar para o Brasil.

    Não há como fazer todo o meu ensino superior lá?

  6. Gostaria de saber comoo faço para me escrever em uma faculdade de arquitetura no Canadá? Estou no 9º semestre de arquitetura no Brasil, mas amo o Canadá e queria terminar o curso lá como faço?

Deixe uma resposta