Página Inicial Emprego Como conseguir um trabalho no exterior morando no Brasil

Como conseguir um trabalho no exterior morando no Brasil

trabalho no exterior

Como conseguir  um trabalho no exterior morando no Brasil? Isso é possível? É sobre isso que vamos falar hoje!

Com o Brasil em crise e um índice de desemprego crescente, não são poucas as pessoas que estão pensando em deixar o país em buscar de novas oportunidades de trabalho em outros lugares. Mas o que fazer para já sair daqui com uma oportunidade certa e um trabalho no exterior legalmente encaminhado?

Existem milhares de vagas disponíveis pelo mundo, em todos os níveis de escolaridade e para toda e qualquer especialidade. Se você tiver as habilidades exigidas e disponibilidade de adaptação em um cenário diferente do qual está habituado, não será difícil conseguir o seu lugar em solo estrangeiro.

Para ajudar, abaixo indicamos passo a passo qual a melhor forma para você buscar uma vaga de trabalho fora do Brasil.

1º Passo – Procure informações sobre o seu destino

Como conseguir trabalho no exterior

Primeiramente, antes de escolher o seu destino, pesquise bem sobre a situação atual dele, não apenas economicamente, mas também humanitária. Sabemos que a Espanha passou por uma crise de empregos recente, já a Grécia além da crise econômica, sofre com a questão do elevado número de refugiados e a China tem alguns problemas com as questões de condições de trabalho. Então, pesquise! Busque informações nos sites locais, nas redes sociais, blogs e, principalmente, fontes do governo.

Além disso, para que você não corra o risco de passar por dificuldades e ficar ilegal em qualquer lugar do mundo, é importante que você procure as informações sobre as leis que imperam no seu destino. Acesse o site da embaixada referente ao país que você deseja ir e leia atentamente as regras que você deve seguir para trabalhar legalmente, o que cada visto permite e quais os seus direitos. Só depois, faça a sua solicitação.

Atualmente, países como os Estados Unidos, Canadá, Irlanda, Austrália, Nova Zelândia, Uruguai e Argentina têm uma política de visto com abertura maior para que brasileiros busquem vagas de emprego.

2º Passo – Deixe o preconceito de lado Como conseguir trabalho no exterior

A maioria das pessoas sonha em trabalhar na sua área de formação, mas nem sempre você vai conseguir logo de cara a sua vaga dos sonhos, portanto se permita avaliar outras posições no mercado de trabalho. O que no Brasil chamamos de “subemprego”, fora do país pode significar uma porta de entrada. Primeiramente, é ali que você pode começar a construir sua rede de contatos profissionais, além de ser uma ótima oportunidade para pegar o ritmo de trabalho e do idioma local.

Vagas para trabalhar em eventos, ginásios, estádios e hotéis como recepcionista ou garçom são muito frequentes. Existem inclusive empresas que trabalham apenas selecionando interessados nessa área de “hospitality”. Além de serem mais fáceis de serem conseguidas, essas posições ainda permitem uma flexibilidade boa de horário, facilitando que você tenha disponibilidade para buscar outro emprego quando desejar.

3º Passo – Faça um currículo de acordo com o seu foco

Tenha muita atenção ao fazer o seu currículo. Pesquise nos sites locais que tipo de currículo é comum naquele país, foque nas suas habilidades que podem ser úteis de acordo com a vaga que você está aplicando e seja sincero quanto os seus conhecimentos. Não adianta colocar uma infinidade de cursos, se nenhum deles tiver qualquer correspondência com a oportunidade a qual você pretende concorrer. Então, seja direto!

Currículo feito através do EuroPass, que é um editor que ajuda na confecção de currículos no modelo mais usado na Europa.

Como conseguir um trabalho no exterior morando no Brasil - trabalhar no exterior

Paralelo aos currículos feitos, mantenha um perfil do LinkedIn sempre atualizado e ativo. Este será o seu currículo disposto para toda e qualquer empresa 24h por dia.

4º Passo – Acesse sites de emprego

Como conseguir trabalho no exterior

Assim como no Brasil, no exterior também existe uma vasta gama de site de empregos, então aproveite e explore-os. Esses sites além de serem uma forma de você achar a sua oportunidade, também servem como um expositor do mercado local. Através deles você consegue identificar em que área existe mais vagas e qual a média salarial praticada em cada setor.

Um dos principais sites no mundo é o Indeed. Ele está presente em mais de 60 países.

Outro site bastante usado na Europa devido aos seus recursos, é o EURES. Já o SEEK é comum na Austrália e na Nova Zelândia. E na África é o Careers in Africa que divulga vagas de todos os países do continente.

5º Passo – Prepara-se para possíveis contatos

Como conseguir trabalho no exterior

Após ter realizados suas pesquisas, ter feito um bom currículo e ter aplicado para as vagas disponíveis, esteja preparado para prováveis contatos e entrevistas. Mantenha-se sempre que possível conectado e disponível para tirar qualquer dúvida de seu potencial empregador.

Dependendo do setor de atuação e do perfil da empresa para qual você fez a sua aplicação, é provável que eles solicitem uma entrevista via vídeo e/ou a realização de testes on-line, inclusive teste de idioma. Portanto, se você está “enferrujado”, este é o momento de buscar maneiras de praticar o idioma para que você se sinta mais seguro e confortável quando for preciso manter contato.

Passo EXTRA – Fique de olho em países com Sponsor e Skilled Visas

Muitas pessoas não sabem, mas existem diversas oportunidades para especialistas em países de população pequena. A razão é que normalmente os melhores profissionais e especialistas se concentram nas grandes capitais, deixando as cidades menores sem opção. Sendo assim, o próprio governo do país incentiva a imigração de profissionais que possam suprir esta demanda no país. É o que chamamos de “Skilled Migration Visa” ou “Sponsor Visa”.

Algumas empresas do Canadá (especialmente de Quebec) e da Inglaterra costumam buscar frequentemente profissionais para “Sponsor Visa”. A Austrália é outro país que também incentiva este tipo de visto.

Anualmente o Governo publica uma lista com os profissionais que o país mais precisa. Através de uma página na internet as pessoas podem escrever sobre a sua intenção de trabalho para que as empresas locais tenham conhecimento e possam vir a “patrocinar” este visto através de uma vaga de emprego. As vagas são as mais variadas, vão de especialidades médicas, passando por engenheiros, professores, contadores, produtores de vídeo, chaveiro, carpinteiro, e outros diversos profissionais.

Lista de profissões disponíveis 2016/2017

Dentre as informações solicitadas para a candidatura ao visto estão: nível de idioma, cursos realizados na área de interesse, anos de experiência e outras, atribuindo uma pontuação para cada uma delas de acordo com o nível declarado. Quanto maior a pontuação, maior será a possibilidade de você conseguir a vaga de trabalho e o visto.

ATENÇÃO: É imprescindível que você não minta sobre as suas habilidades a serem pontuadas, pois elas serão testadas e seu visto poderá ser cancelado caso você não apresente as características descritas.

DICAS FINAIS:

Além do visto de trabalho, alguns países dão a oportunidade de imigrantes trabalharem também através de vistos de estudante. Neste caso, a carga horária tem um limite menor e está condicionada ao fato de você ter uma matrícula em um curso corrente. Esse visto pode ser uma boa porta de entrada para você conhecer o mercado local, antes de aplicar para uma vaga mais estável.

Para vagas de nível superior, procure saber se haverá necessidade de tradução dos seus documentos e/ou validação no país de destino. Lembrando que normalmente diplomas e histórico requerente tradução, e traduzir estes documentos ainda no Brasil sai bem mais barato. Basta você procurar a Junta Comercial da sua cidade e solicitar o serviço de tradução juramentada.

No Facebook existem muitos grupos de brasileiros que moram no exterior (Brasileiros em Dublin, Brasileiros em Sydney, etc.). Entrar nesses grupos para perguntar sobre o mercado e a oferta de empregos é um ótimo mecanismo de pesquisa.

Outra dica interessante é continuar acompanhando o nosso site, pois divulgamos constantemente oportunidades de trabalho no exterior e dicas super interessantes sobre o assunto destinadas exclusivamente para brasileiros. Lembrando que você pode receber as nossas atualizações diretamente no seu e-mail, para isso basta se cadastrar.

COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Hola, me llamo Elisandra Tavares tengo el deseo de vivir, trabajar y estudiar en España, estoy buscando una oportunidad, ya he trabajado con fax, auxiliar de producción y hoy trabajo como auxiliar de oficina en una compañía … no tengo nada que me Que no es la primera vez que se hace el amor.

Deixe uma resposta