Página Inicial Emprego Brasileiros enriquecem em euros

Brasileiros enriquecem em euros

Conheça a Guiana Francesa, território francês na América do Sul, tem 210 mil habitantes que ganham em euros e vivem sob as leis da União Europeia. Uma das riquezas é o ouro. Uma nova atração para Brasileiros com esperança de uma vida melhor e de ganhar dinheiro.

O site  sairdobrasil.com lembra a todos, que é muito importante imigrar legalmente! Acompanhe um pouco sobre a vida e as histórias de vitórias e dificuldades de pessoas que imigraram!

É a vida que Gilmar Vieira Alves sempre sonhou. “Eu vivo bem. Não posso lamentar a oportunidade que tive, a minha sorte e, claro, o meu trabalho”, diz ele, que tem 36 anos. Um brasileiro do Tocantins aproveitando as delícias do Primeiro Mundo. Pelas ruas de Caiena, a capital da Guiana Francesa, ele desfila em um conversível deixando para trás uma vida de sofrimento.

“Peguei muitas malárias. O helicóptero foi me buscar dentro do garimpo e me levou direto para o hospital. Passei 28 dias internado, sem família para me ajudar a tomar um copo de água”, lembra.

Foram oito anos de trabalho pesado no meio da selva, até que o ex-office-boy, ex-garçom e ex-garimpeiro descobriu “ouro” como gerente de uma churrascaria.

“Para mim, valeu a pena”, garante Gilmar.

Até agora valeu uma casa confortável e alguns investimentos no Brasil. “Eu consegui comprar uma casa para o meu pai no Brasil, uma casa para mim e um apartamento em Brasília também”, conta Gilmar.

Gilmar aprendeu muito nesses 15 anos. Chegou em 1993 com autorização para ficar apenas nos garimpos. Batalhou e conseguiu trocar a floresta pela cidade. É um brasileiro que conquistou respeito bem longe de casa. “A sensação de ganhar em euro e gastar em real é muito boa porque você vê a diferença. Quando você troca o que ganha, dá vontade de voltar e buscar mais um pouquinho para gastar mais”, diz.

São tantos brasileiros na Guiana Francesa que já existe um bairro só deles. Cabaçu é Brasil no corpo e na alma. São 1,6 mil moradores legalizados e outros 300 clandestinos. Ruas de terra, casas simples e todo mundo com carro próprio. Pendurado na cerca, o jeitinho de arrumar dinheiro extra. Pedreiro, Normando Fontineli deixou Belém há cinco anos sonhando em fazer a vida nesse pedacinho da França. Mas até hoje não conseguiu escapar da clandestinidade.

“É uma vida muito tensa. Pensamos até que somos bandidos. Quando saímos da porta, olhamos para os quatro cantos”, conta Normando..

Sem a permissão do governo francês, não dá para arrumar emprego fixo. O pedreiro vive de bicos. Já foi deportado três vezes para o Brasil e sempre fez o caminho de volta. “O que eu vou fazer no Brasil? Minha mulher está aqui, meus filhos estudam. Tenho que voltar”, diz.

Todos os dias tem brasileiro sendo expulso da Guiana Francesa. Só em um grupo, 12 foram escoltados pela polícia até a porta do avião. Eles vão embora já pensando no retorno.

“Vou chegar lá e voltar em cima do rastro, se Deus quiser. É sempre assim”, conta o pedreiro Francisco Santos.

Os clandestinos atravessam pelo meio da selva, cruzando rios, desafiando o mar. Se arriscam em busca de um salário-mínimo de 1,2 mil euros, cerca de R$ 3 mil. Dá quase sete vezes o salário-mínimo brasileiro.

São 30 mil brasileiros vivendo ilegalmente na Guiana Francesa. Outros 20 mil são legalizados. É uma grande massa de refugiados em busca de oportunidades. A maioria do Amapá, do Pará e do Maranhão.

“A prefeitura me disse que 50% dos produtos da Guiana Francesa vêm do trabalho de brasileiros. A maior parte já está com dupla nacionalidade, naturalizada francesa. Estão aqui legalmente”, revela o cônsul do Brasil na Guiana Francesa, Carlos Loureiro de Carvalho.

Claudionor Meireles e Luiz Paulo Frazão são carpinteiros. Um chegou de Belém há 24 anos. O outro, há oito. Os dois têm visto de trabalho. Construíram família na Guiana Francesa. Construíram também uma vida diferente.

“Posso ter tudo o que quiser aqui: televisão da melhor qualidade, geladeira”, conta Luiz Paulo.

A diária de um operário é de quase R$ 150. E se ouve muito na Guiana Francesa: “Quer um trabalho bem feito? Chame um brasileiro!”.

“Muitos não têm coragem de subir. Mesmo o guianense, se olhar um trabalho desse, não sobe no alto da escada. O brasileiro é doido mesmo. Dá para fazer? Dá”, diz Claudionor.

Nessa terra onde muitos já encontraram a fartura, outros vão se virando para chegar lá.

“Muitos franceses vão viajar e não conseguem vender seus aparelhos. Então, depositam em um lugar que chamamos de ‘decheterie’ e as pessoas recuperam”, conta o montador Michael Rodrigues.

Foi assim que Michael mobiliou quase toda a casa. O aparelho de som, a geladeira, a televisão: tudo de graça e funcionando direitinho.

“Economizei uma faixa de 2,5 mil euros”, calcula.

Carro também vai fácil para o lixo. Modelos nem tão usados assim são abandonados nas estradas. É mais prático comprar outro do que mandar consertar.

José Hermenegildo Gomes, o Dedé, ganha a vida levando crianças para a escola. Foi um dos primeiros a pisar no Cabaçu. Para ajudar os compatriotas, decidiu fundar uma associação de moradores. Em uma pequena sala, os brasileiros recebem a bagagem para entrar na vida nova.

“Nós temos professores que ajudam as crianças a fazer o trabalho escolar. Na parte da noite, é a alfabetização para os adultos”, conta Dedé.

Um dos trabalhos mais importantes da associação é ajudar àqueles que querem sair da clandestinidade. Dedé diz que hoje mais de 6 mil brasileiros esperam por um visto de trabalho.

“Hoje existe uma política contra a imigração na Guiana Francesa, mas eles não dão conta. Ao mesmo tempo, eles têm uma política de francamente integrar aqueles que já moram há muitos anos”, diz Dedé.

Faz quase uma década que Edna Quaresma chegou à Guiana Francesa. Há dois anos decidiu largar o emprego e voltar a estudar. Mesmo sem salário, não se aperta para criar os três filhos e pagar as contas da casa.

“Eu tenho uma ajuda do governo para pagar meu apartamento de quatro compartimentos. Custa 580 euros. Eu recebo do governo 410 euros de ajuda para pagar o apartamento e recebo uma ajuda de cerca de 600 euros para escolarizar e alimentar meus filhos”, conta a estudante.

O governo francês investe milhões de euros em benefícios sociais. Educação e saúde são de graça. Além do seguro-desemprego, existe uma renda mínima de inserção para quem procura trabalho. Ela varia de acordo com o número de dependentes, mas, em média, fica em torno de 420 euros, mais de R$ 1 mil.

“Para quem é desempregado e casado, já tem um tanto para a esposa. E para cada filho o governo paga alojamento, alimentação, vestimenta, escola e material escolar. Então, às vezes ele ganha mais de mil euros por cada filho. Quem quer trabalhar? E é esse o medo da ocupação brasileira, porque o brasileiro vem para cá para trabalhar”, diz o cônsul do Brasil na Guiana Francesa.

E trabalhar duro. O cearense Francisco Aragão rodou o Brasil e foi parar naquela terra há 16 anos. É mais um fazendo a vida na construção civil. Começou como ajudante de pedreiro, e hoje é construtor.

“Isso é um sonho. Quando tive dinheiro, foi a primeira coisa que eu comprei. Meu primeiro investimento foi em um carro-de-mão, uma pá e uma régua para trabalhar”, lembra.

E dá-lhe trabalho. Para cada casa construída, muito suor. No ano passado, foram 40. Este ano, o ritmo teve que diminuir porque faltam outros Franciscos na Guiana Francesa.

“É uma demanda muito grande. Eles me pedem muito para construir, mas a mão-de-obra é muito difícil aqui. Não existe a contratação de clandestinos, não pode. Se eu fizer um negócio desses, além de não estar de acordo com a lei francesa, vou me complicar”, diz Francisco.

E ele conhece bem as complicações da vida clandestina. Foram quatro anos entrando e saindo da Guiana Francesa, arriscando a vida em uma perigosa travessia. “Cada viagem é uma história. Tem gente que vem direto; tem gente que passa dois, três dias escondida. Muita gente morre”, conta.

Francisco e a mulher, a dona de casa Hosana Lopes Aragão, realizaram o sonho de muitos brasileiros. Conseguiram uma carta de residência que precisa ser renovada a cada dez anos. Os dois filhos nasceram na Guiana Francesa, uma mistura franco-brasileira no coração e no idioma.

A filha do casal se chama Marie-Celeste. “Meu esposo queria Maria Celeste. Como moramos na Guiana Francesa, falei que seria Marie, em francês, e Celeste, em português”, explica Hosana.

Em casa, as crianças têm uma ligação forte com o Brasil. Na escola, aprendem a realidade do primeiro mundo.

“Não existe o pobre e o rico. Todos estudam no mesmo colégio, não tem diferença. A escola tem psicólogo, tudo de que precisamos”, diz Hosana.

“Eu prefiro o Brasil, que tem mais diversão”, diz o filho do casal, Mateus Aragão, de 11 anos.

Hoje Francisco tem dez funcionários, que depois do expediente não voltam para casa: vão para a do patrão. Não para falar sobre trabalho, mas para jogar o esporte predileto do chefe.

O construtor de casas é o presidente, técnico, capitão e jogador insubstituível do time de vôlei dos brasileiros. Uma turma imbatível, campeã da Guiana Francesa oito vezes nos últimos dez anos.

“Antes da final do campeonato, ele disse uma coisa muito interessante: ‘Vamos ganhar para aparecer na primeira página do jornal, mas não como brasileiro aparece às vezes, porque matou o outro ou fez alguma coisa errada. Vamos colocar na primeira página do jornal, com orgulho, a raça brasileira, que ganhou o campeonato aqui dentro'”, lembra o serralheiro Eduardo Neves.

Reportagem: Luiz Gustavo (Caiena, Guiana Francesa)

COMPARTILHAR

96 COMENTÁRIOS

  1. Sou amigo da adolescência do Francisco Aragão e lembro das primeiras incurssões que o mesmo fez pra Guiana.Fiquei muito tentado.Fico muito feliz em tê-lo visto no globo reporter.Gostaria de reestabelecer o contato com ele .Se alguém souber de uma maneira d’eu poder contactá-lo ficaria muito grato.Lutar sempre, desistir nunca.

  2. Olá, eu vi a reportagem e achei muito interesante, bom eu e minha esposa sentimo-nos tentandos a uma aventura dessas: Se alguem tiver interessado em contratar, eu e minha esposa podemos entrar legalizados, já que eu tenho pasaporte da união europeia e minha esposa tem visto permanente na união europeia. Eu sou português e atualmente estamos morando em salvador. Mas estamos a pensar fazer uma aventura profisional num outro pais, a guiana francesa seria bom por ser perto do Brasil, estamos disponíveis para trabalho em qualquer profissão desde que seja legal.

  3. olá eu vi a reportagem que passou sobre a guiana francesa e fiquei muito tentada!! gostaria de saber quais sao os requisitos pra eu brasileira casada com tres filhos trabalhar na frança, sou cabeleireira, meu marido é formado em filosofia e é professor nessa diciplina!! somos esforçados e gostamos de trabalhar! temos chance nesse pais???? coragem eu tenho!!o que eu preciso fazer pra entrar legalmente ai???

  4. Fiquei interessadíssima na reportagem e gostaria, encarecidamente, de saber o endereço da churrascaria do Gilmar, pois estou de partida para Caiena a passeio e aproveito o ensejo para convidar as pessoas que estiverem interessadas a formar um grupo para esse turismo.
    Contate-me.

  5. Bom gostaria de saber como posso obter o visto de trabalho para a guiana francesa. Estou morando no japao no momento o que acho que facilitaria conseguir o visto de trabalho por la.
    Vi a reportagem e fiquei muito interessado em tentar a vidar por la.
    Grato desde ja.

  6. Olá,

    li esta reportagem e gostaria muito de saber quais são os tipos de empregos disponíveis na Guiana Francesa. E quais os principais desafios a enfrentar para conseguir ingressar no país e se estabelecer financeiramente por lá.
    Obrigada.

  7. Olá parabéns pelo coragem que enfrentou, vc é um exemplo de vida…mas gostaria de saber se na guiana a alguma chance para uma gerente bancaria…auardo contato …grata

  8. Olá, gostaria de trabalhar na Guiana, sou brasileiro e tenho dupla naionalidade espanhola (passaporte europeu) gostaria de saber se por ter passaporte europeu as minhas possibilidades serão maiores de arrumar um bom emprego, trabalho duro aqui neste Brasil, tenho uma pequena loja de motopeçãs e os negocios não vão bem, trabalho de dia na minha loja e a noite trabalho de motoboy das 19:00 hrs as 01:00 da manhã, falo espanhol, trabalhei algum tempo aqui em bancos e também como digitador, gostaria muito de poder ir tentar a sorte na Guiana, aguardo uma resposta, obrigado.

  9. Olá, tudo bem ???

    Sou brasileira, mas tenho cidadania austriaca…. moro em manaus….

    Gostaria de saber como poderia comprar na Guiana e trazer para o Brasil (legalmente), um automóvel ??

    Aguardo uma reposta

    Muito obrigada ….

  10. OLÁ,MEU NOME É ISRAEL(26 ANOS) SOU E MORO NO MARANHÃO COM MINHA ESPOSA(21 ANOS),DEPOIS DE VER A REPORTAGEM DA GLOBO FIQUEI MUITO INTERESSADO POR UMA CHANCE DE TRABALHAR NA GUIANA FRANCESA COM MINHA ESPOSA(LEGALMENTE É CLARO).TRABALHO COMO GERENTE ADMINISTRATIVO EM UMA EMISSORA DE RÁDIO AQUI NO MARANHÃO,TENHO UMA VASTA EXPERIÊNCIA TB NA ÁREA DE LOCUÇÃO,PRODUÇÃO DE VINHETAS E MUITO MAIS,MINHA ESPOSA TEM EXPERIÊNCIA NA ÁREA DE VENDA JÁ FOI CAIXA DE SUPER MERCADO E TRABALHA ATUALMENTE NUMA LOJA DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO.NÓS GOSTARÍAMOS DE SABER QUAIS SÃO AS CHANCES DE TRABALHO(PODE SER EM OUTRAS ÁREAS)E COMO FARÍAMOS JÁ Q NUNCA SAÍMOS DO BRASIL??? OBRIGADO!!!!!!!!

  11. Bom dia , me interessei em ter uma oportunidade de trabalho na Guiana.Sou casado mas tenho idéia de ir sozinho para sentir a situação inicialmente e se prosperar levarei minha esposa e filho.Tenho 32 anos e formação como técnico têxtil mas vivenciei também na área de transporte e vendas.Gostaria de um suporte para saber como conseguir um trabalho lá.Aguardo ansiosamente por uma resposta

  12. Senhores e Senhoras.Boa Tarde.
    Gostaria de saber quais são as empresas, mercado econômico e outras informações que possam ajudar à enviar currículo ou visita-lás em uma oportunidade futura. Diante ao exposto agradeço pela presteza.

  13. Tenho 41 anos, faço Licenciatura em Ciências Biológicas, bons conhecimento extracurricular. Noções do idioma françes escrito(intermediário), e básica na pronúncia. Atuaria em qualquer área de trabalho na Guiana. Casado (esposa nutricionista a 15 anos), um filho de 12 anos, disponibilidade total a parir de janeiro de 2009.
    Obrigado.

  14. Ola; gostaria de ir p/ guiana francea(sou caldereiro,encanador industrial)e pretendo trabalhar na aréa de construção sívil( montagem industrial)estou disponivel a partir de outubro de 2008.

  15. Caros amigos
    Moro e trabalho na Inglaterra. Vi a materia e fui la conferir. A reportagem nao fala que o custo de vida na Guiana eh carissimo: um quilo de carne custa em torno de 20 Euros, o aluguel de um flat prta uma pessoa (dus no aperto) custa 600 Euros, o transporte coletivo eh dominado por um grupo de pessoas que fazem como querem, ou seja, eh precario.
    O comercio eh dominado pelos chineses que por sua vez tambem fazem suas proprias regras.
    Acidade tem muitos esgotos a ceu aberto, cheira mau.
    Realmente tem muito trabalho na construcao, se vc tem cidadania europeia vc nao precisa de outros papeis. Se vc nao tem papeis pra trabalhar por la fica tudo mais dificil, a policia pega pesado.
    Se vc pensa em immigrar pra Guiana, aconselho a pesquisar bem antes de tomar uma decisao.

  16. boa tarde!

    TRABALHO NA AREA DE VENDAS HA OITO ANOS JA TRABALHEI COMO SERVENTE NA CONSTRUÇÃO CIVIL,JA REALIZEI VARIOS SERVIÇOS P/ MIM NÃO TEM HORARIO P/ TRABALHAR VISTO A CAMISETA MESMO ADORO GANHAR DINHEIRO,JA VI VARIAS REPORTAGENS SOBRE A GUIANA QUERO TENTAR A VIDA AI, SOU DECENDENTE DE PORTUGUESES TENHO FACILIDADE P/ TIRAR DOCUMENTOS DE NACIONALIDADE PORTUGUESA, ISTO FACILITA? SE TIVER INTERESE EM UM FUNCIONARIO DEDICADO AO SERVIÇO, AGUARDO SEU RETORNO, TENHO 27 ANOS SOU SOLTEIRO.UM GRANDE ABRAÇO

  17. Tenho 22 anos, solteiro, moro no Rio GRande do Sul, sou formado em Gastronomia Gaúcha, pela Universidade Univates, Lajeado- RS. Gostaria de trabalhar com churrascaria.
    Abraço.

  18. olá, sou construtor,faço todo tipo de trabalho na construção civil. já toquei obras de 2.000 metros quadrados construi condominios de luxo aqui em florianopolis. tenho 30 anos e muita experiência sou filho de construtor . gostaria de receber alguma oportunidade de trabalho na quiana francesa no meu ramo .sou muito trabalhador e inteligênte posso começar como pedreiro ,carpinteiro,ceramista, e depois vou mostrando outras abilidades.um grande abraço

  19. ola eu sou paraense e gostaria de saber como eu faço para tirar o meu passaporte e obter o visto pra imigrar para a Guiana Francesa com a intenção de arranjar um emprego na minha area de agente penitenciaria e como conseguir .Por favor orientem-me
    grato

  20. Bom dia , me interessei em ter uma oportunidade de trabalho na Guiana.Sou casado mas tenho idéia de ir sozinho,a principio tenho experiencia na area de segurança patrimonial…garto ate o momento espero retorno de vcs

  21. ola,sou brasileiro naturalizado portugues e tenho passaporte europeu e trabalho na area de construcao civil e queria saber qual a possibilidade de arrumar um trabalho ai.quem puder me ajudar serei muito grato

  22. gostaria de trabalhar na guiana francesa ,sou tec manutancao industrial,eletricista residencial predial, motorista carreteiro operador de caminhao fora de estrada,bom conhecimento de eletrica eletronica. caso enterece entre em contato pelo email luzivaldojl@hotmail com aguardo resposta de alguns enteresado fico muito grato.tenho um primo cunhado com todos conhecimentos tambem ,daniel e esposa. mara

  23. gostaria de saber quais oportunidades, eu tenho, sou técnico em informática, tenho curso baásico de elétrica e instrmuntação industrial e estou terminando outro curso técnico em eletronica.Se houver uma oportunidade aguardo contato.Desde já agradeço.

  24. ola,tudo bem primeiro gostaria de parabenizar gilmar vieira pela sua coragem , e determinação ,estou em procura de oprtunidades fora do brasil ,vi a reportagem e gostaria de saber se teria alguma oportunidade ,domino as linguas englesa ,espanhola ,e árabe sera que eu teria chances ai?

  25. olha gostaria muito de ir para ai mais vivo aqui em portugal e nao gosto sera que tenho uma oportunidade ai sou brasileira e queria ir para ai me ajudem a ir para ai conto com sua forca

  26. tenho uma empresa da construção civil, REFORBOB EMPREITEIRA CONSTRUÇÃO PINTURA.
    Gostaria de me engajar nas guiana francesa para contruir casa e prestar serviço na aria da construção civil, alguém paderia me informar como devo fazer essa solicitação junto a em baixada da fransa aqui no Brasil.

    Se tiver alguém interessado em patrocinar ou financiar essa empreitada, é só entrar em contato com a empresa (11) 3257-1360 / http://www.reforbob.com.br / cont: Alexandre

  27. olá, meu nome é ricardo junior
    tenho 20 anos,moro no estado do tocantins
    sou jogador profissional, faço faculdade de ed.fisica,e queria saber se alguem ai poderia me informar como é o futebol do país.
    pois meu pai esta indo para ai
    e eu queria pegar essa oportunidade para jogar por ai…se alguem quiser me empresariar e só me mandar um email
    ricardodboy2@hotmail.com

  28. sou tapeceiro ou estofador como queiram,tenho dupla cidadania, brasilira e italiana, gostaria de saber se posso viver e trabalhar na Guiana Francesa legalmente, e tambem como anda o setor de estofados, pois fabrico e reformo qualquer tipo de sofá e bancos de automóveis

  29. Oiiii
    Sou médica veterinária,amoo trabalhar com os animais.Se surgir alguma vaga para trabalhar,principalmente relacionado a animais,se possível,gostaria que me avisasse.
    Obrigada pela atenção.

  30. olá…vi a reportagem na época em que passou no globo reporte, e agora li aqui nesta materia…achei muito interessante e tentadora a opportunidade de uma vaga de trabalho na guina francesa…já trabalhei como vendedor; almoxarife e expedidor em confecção, tenho curso de informática, hardwere e atualmente estou na área de porteiro de um condominio mas gostaria muito de uma vaga em qualquer setor de trabalho que enventualmente surgir…agradeço e gostaria de obter respostas..obrigado.

  31. Tenho 35 anos, cidadao italiano, busco oportunidade para viver e trabalhar na Guiana Francesa.
    Estou pronto para viajar e muito motivado para trabalhar.
    Necessito apenas que uma porta se abra.
    Obrigado.

  32. Olá sou técnico em contabilidade, e gostaria muito de ir tentar a vida na Guiana, porém, não saiba se a minha profissão tenha demanda por lá. Quem puder me ajudar a descobrir fico grato. Gostaria de obter mais informações sobre como imigrar para lá.
    Posso trabalhar em outros serviços também, e também falo francês.

  33. Olá,
    Moro no interior de Pernambuco (Buique) e gostaria de saber como faço para ir para Guiana.
    Olha no momento sou Guarda Municpal mas já fui Auxiliar de Escritório e Distribuidor Independente da FLP, estou noivo e tenho 22 anos, minha formação ainda é de nível médio (com magistério) e possuo curso e prática em informática (Windows, Microsoft Office, Corel Draw e Linux).

    No momento pretendo cursar biologia ou tecnólogo da infomação, pois são minhas opções aqui!

    Meu e-mail é israeldealbuquerque@gmail.com

    Ficarei muito feliz e prometo retribuir a quem me permitir essa mudança de vida.

  34. bom ja estive na europa trabalhando como pintor,eletricista,de cleaner,em hoteis na holanda portugal espanha frança e londres mas nao tenho visto nenhum so passaporte preciso de umas dicas para entrar na guiana para trabalhar em obras vontade nao falta aguardo fone 041 99595725

  35. Gostaria de atividades relacionadas a industrias, é possivel ?
    Atuei como Encarregado de Produção com grande conhecimento em montagem industrial, desenhos, projetos, traçados em geral, locação e realocação de equipamentos industriais…
    Durante dez anos trabalhei em turno de revezamento, durante a safra com uma equipe em media de 60 funcionários por turno, na entressafra trabalhava com uma media de 120 funcionários devido a entrada de empreiteiras no qual prestavam serviços de caldeiraria, civil, mecânica…
    Participei de vários cursos de liderança no qual possuo certificado.

  36. Saudações!! atualmente trabalho na Policia Militar da BAHIA, NA GRADUAÇÃO DE 1º Sarento. Tenho 11 anos de experiencia, tanto na policia como nos bombeiros,haja vista que ambos são do memso comando, Policia mimtar da bahia. tENHO CURSO DE BOMBEIROS , EMERGÊNCIA PRÉ HOSPITALAR ( SOCORRISMO ) ,SALVAMENTO AQUATICO,ARMAMENTO E TIRO,ABORDAGENS POLICIAS, ETC. rESUMINDO,GOSTARIA DE TRABALHAR NA GUINA FRANCESA EM UMA DAS DUAS OPÇÕES : BOMBEIRO OU POLICIAL, QUE DEVO FAZER?
    GRATO!!

  37. olaá amigos
    tenho 19 e gostaria de ir para guiana legalmente ou gladestinamente, minha vontade eh tanta que pra mim tanto faz, se alguem ja morou la e tem contatos pra me passar, ou quer ir pra la tbm, me add no msn djatitude@hotmail.com
    gostaria de fazzer amizades
    abço0!

    • Bruno ten cuidado fica ligado pois la fora nossos piores inimigos são os brasucas,eu estive agora em Paramaribo fui legalmente tudo de bom valeu a pena,maissssssssssss resolvi ir até a guiana logico ai já estava inlegal chequei a atravessar a frnteira maiissssssssss tiver que voltar no dia seuinte pois fui dedurada por quem?nossos proprios irmaõs brasileiro fiquei arasada,e horrivel correr da policia

      cuidado Bruno vc estar mt ancioso esse tipo os donos do trafico adoram,procure ir legalmente,ai sim vale a pena eu cheguei de lá agora fui legalmente tudo de bom,boa sorte ñ carregue nada de ningém ai fora e puta só ladrao so,

  38. oi estou me formando em fisica na universidade federal do Pará
    gostaria de saber se tem oportunidade na minha area em caiena.tanto de emprego quanto de imtercambio para me especializar…

    rigado aguardo respostas abraço…..

  39. Tenho 34 anos sou casado moro em São Paulo, tenho dupla nacionalidade Brasileira e Espanhola , busco oportunidade para viver e trabalhar na Guiana Francesa ou outros países da Europa que as condições sejam melhores que a do Brasil á nível de educação e salários.
    Estou pronto para viajar eu e a minha esposa com quem sou casado pelo consulado espanhol,tenho muita força de vontade e determinação posuo cursos de hardware e sofrware ensino médio completo e também muita experência na área de segurança.
    Necessito de informações ou uma oportunidade de trabalho honesto de alguém que possa me ajudar, para que um dia eu também possa ajudar outras pessoas com a minnha situação atual.

  40. Tenho 34 anos sou casado moro em São Paulo, tenho dupla nacionalidade Brasileira e Espanhola , busco oportunidade para viver e trabalhar na Guiana Francesa ou outros países da Europa que as condições sejam melhores que a do Brasil á nível de educação e salários.
    Estou pronto para viajar eu e a minha esposa com quem sou casado pelo consulado espanhol,tenho muita força de vontade e determinação posuo cursos de hardware e sofrware ensino médio completo e também muita experência na área de segurança.
    Necessito de informações ou uma oportunidade de trabalho honesto de alguém que possa me ajudar, para que um dia eu também possa ajudar outras pessoas com a minnha situação atual.
    meu msn danieldeniz10@hotmail.com

  41. Adorei, tenho muita vontade de ir, mas como faço, não tenho intenção de morar lá muito tempo, mas aproximadamente 6 meses, só por causa do idioma

  42. CARA PARABÉNS PELA SUA CORAGEM, VOCÊ MERECE TODO ESSE RECONHECIMENTO, MAS POR FAVOR VCS QUE FICAM PEDINDO EMPREGO, É MUITO FÁCIL UM RALAR E SE FERRAR TODO E DEPOIS PEDIR O CAMINHO DAS PEDRAS, POR FAVOR ESSA É REALMENTE A IMAGEM DO TIPICO BRASILEIRO, AQUELE QUE QUER TUDO MASTIGADO E PRONTO, OU MELHOR O VAGABUNDO, FAÇAM O SEGUINTE, DEM AS CARAS COMO ESSE RAPAZ FEZ E MEREÇAM ESTAR LA, ELE RALOU E VCS QUEREM TUDO DE GRAÇA, TENHAM A SANTA PACIÊNCIA, BANDO DE INVEJOSOS, RALEM, VÃO ATRAS DAS COISAS, QUEREM TUDO DE MÃO BEIJADA, CARA NA BOA, NÃO AJUDE NENHUM DESSES, POIS SE ESTÃO PEDINDO E NÃO VÃO ATRAS COM GARRA É POR QUE SE CONTRATADOS SERÃO UNS PÉSSIMOS PROFISSIONAIS.
    UM ABRAÇO E DESEJO QUE VOCÊ TENHA MUITO MAIS SORTE E QUE TUDO DE CERTO EM SUA VIDA AI E PARABÉNS POR TUDO QUE VOCÊ (FRANCISCO E FAMILIA) CONQUISTOU.
    ABRAÇOS
    ROGER

  43. eu quero trabalha pela internet pra uma enpresa e ganha pelo meu trabalho cor contrato e possivel eu trabalha com tua emprasa nessas condicoes sem precisa compra nada nem investi so recebe pelo meu trabalho 5484157378 meu cel

  44. Tenho formação universitária, porem , minha principal profição é Técnico em Segurança do trabalho.
    Gostaria de receber orientação de como conseguir emprego de Técnico em Segurança do Trabalho na Guiana.
    Minha principal atividade na empresa que trabalho é aplicar treinamentos diversos.Coordenar os Tecnicos da empresa, Viajar e realizar inspeção de riscos de acidente.
    Se puderem me ajudar agradeço.
    Só Falo o Portugues, porem conheço o Françes e terei facilidade de me adaptar.

    • Olá Fred,

      É uma notícia, mais alguns interpretam de outra forma. Não atendemos a pedidos apenas divulgamos informações sobre vagas, oportunidades com a finalidade de esclarecer, porém muitos confundem com empresas de recrutamento.

      Abraços!

  45. gostava de saber como obeter trabalho ai ja trabalhoe habito em frança ,tenho diploma de chefe de chantier , trabalho em tudo de construçao ,ja fui patrao em portugal mas la esta mau ,obrigados

  46. Fui chamada para dar aulas de português na guiana francesa, mas só posso ir se meu noivo for, ele é design, especialista em 3D, lá tem campo pra ele? tem algum pra indicar?

    Quase não encontro informações sobre a guiana francesa na internet.

    A área de turismo lá é farta? falo muitas linguasm seria possivel arranjar emprego do tipo lá com facilidade?

    Obrigada pela atenção

  47. como faço para ir para guiana francesa,sou motorista proficional,trabalho com maquina hidraulica pequena.sou casado tenho 34 anos,e busco uma o ferta de trabalho o brigado.

  48. Olaa meu Nome e Marcos Antonio Doneda e vi sua proposta no Site que vcs estão precisando de Gente pra Trabalhar no Canada Atualmente esto morando na Inglaterra e tenho Dupla nacionalidade italiana e brasileira ….Trabalho na Construção aki de Pintor faco e Aplico massa corrida ,gesso , grafiato , testetura , pintura lisa , trabalho com tinta acrílica , toque de Seda , esmalte sintético , verneis , laqueamento de porta , decoração etc …. trabalhei 15 anos no Brasil , 5 més na suíça , 7 més na Itália e 8 més na Inglaterra … Fico Atencioso em esperar sua Resposta Obrigado …..

  49. sou brasileiro e tenho nacionalidade europeia e procuro trabalho na area de pintura colocacao de papel parede emontagen de pladur na guiana francesa se estiver enteressado en falar comigo me ligue vivo em potugal omeu munero e 967662537 ou 218058021

  50. olá!

    Gostaria de saber eu sou casada com um holandes a qui no brasil e gostariamos de ir morar na guiana com ele pois ele não precisa de visto e eu gostaria de sber se posso morar com ele legalmente lá ou eu mesmo que casada e tendo o nome dele eu necessito de visto?

    • Olá sou brasileiro e tenho passaporte português hoje vivo em Luxemburgo.Europa.eu gostaria de ir aventurar ai na Guiana mas nao conheço ninguém sei q ai e tropical e eu nao gosto de frio tenho.32anos e sou soiteiro se alguém poder me ajudar ir pá ice só me dar um toq no hotmail ou no celular.00352691595148.obrigado meus irmãos brasileiros por ler minha msg ok…….

  51. Boa noi se tiver si alguma brasileira cincera e fiel pra casar eu vou p ir ok sou brasuca com passaporte português minha proficao era jogador de futebol em Portugal mas tive k parar por causa das contusoes e uma operação q fís. Hoje trabalho como motorista e mecânico e pintura evoutras opicoes hoje vivo em Luxemburgo ecquero ir em borá da q ok contato…00352691595148

  52. sou gesseiro de boa esperança , trabalho a mais de 5 anos no ramo procuro trabalho na guiana francesa, interessados falar comigo pelo cel: (35) 88784902

  53. Gostaria de comunicar o desejo de trabalha como treinador de futebol porfavor enviar este E-mail o a federação de futebol o para os clubes de futebol de guiana francesa joguei em varios clubes ;Brasileiros como.Bonsucesso-Rj; Payssandu.belém pará;Goias-Go;Vila Nova-Go;Mineiros Esport club-Go;Operário de mato grosso do sul ficarei muito grato aos amigos estou disponivel ao trabalho. Estou Muito confiante em Realizarum ótimo trabalho no clube que me contratar um grande abraço do amigo Saudações Técnico Toninho Souza Nilópolis-Rj

  54. gente sonha e muito lindo,mais muito cuidado não e moleza mora e trabalha na guiana francesa,la e terra que filho chora e mãe não ve, pois se ve chora junto,nossos piores inimigos são os propios brasileiros que la estão são verdadeiros fura olho.

  55. ola boa tarde…sou Jorge Pantoja e moro em belem do para,,,,E eu tenho planificado viajar para cayena agora mas o menos no final do mes de outubro deste mesmo ano….eu trabalho no ramo da construçao civil….serviços metalicos,sendo ALVENARIA, estruturas metalicas,portas,janelas,escadas caracois,escadas de pedanhos,caixas dguas metalicas,mezzaninas,fachadas de a.c.m,forros de gesso acartonado,pisos de porcelanatos,pastilhas de vidros de fino acabamento e pinturas em geral….se alguem se interessar pelo meu trabalho por ai talvez seja ate amigos brasileiros ou franceses….me ligue por favor estarei aqui e em ate ate a data citada acima…..E se Deus permitir esterei encarando essa aventura en busca de trabalhos….meus contatos (91)999257324 oi (91)998372342 tim (91)992771517 vivo……aguardo retornos e se nao, com favor de Deus nos veremos pronto em cayene,,,,,,,,,,,,,,,,**Deus seja Louvado**

  56. Oi Meu Nome E Maurício Resido Atualmente No Pará, Tenho 28 anos E Acabei de Me Formar na Faculdade Federal Do Pará (UFPA) Em Licenciatura Em Matemática,Sou Solteiro E Gostaria Muito De Contribuir Na Área Da Educação Na Guiana Francesa, Meu Sonho E Construir Minha Vida Com O Meu Trabalho Honesto Gostaria Que Alguém Me Ajudasse A Entrar Ai Legalizado.

Deixe uma resposta