Página Inicial Destino Barcelona – Qual o custo de vida em Barcelona?

Barcelona – Qual o custo de vida em Barcelona?

Barcelona - Qual o custo de vida em Barcelona

Antes de qualquer coisa, você conhece aquela máxima “quem converte não se diverte”? Então, não que isto signifique que você não deve se preocupar com os gastos que terá fora do Brasil, mas é sempre bom lembrar que cada lugar tem um custo de vida diferente e, portanto, não é convertendo que você saberá se algo é caro ou barato. Isto deve ser considerado quando falamos sobre Barcelona e o câmbio que é operado na cidade, o euro.

Embora a cidade catalã seja a mais cara da Espanha, ela está apenas 34º lugar quando a comparamos com outras cidades da Europa. E, prepare para a surpresa, hoje em dia o custo de vida em São Paulo chega a ser 4% mais alto do que em Barcelona. Lembrando que este cálculo é feito sempre levando em consideração a renda média/mínima local.

Acomodação

Como é comum em todo o mundo, o custo com a habitação vai variar de acordo com o local onde você deseja morar. Sempre quanto mais próximo do centro comercial e turístico você estiver, maiores serão as taxas e o aluguel. Proporcionalmente, quanto mais afastado estiver, os preços ficam mais acessíveis. Porém aqui vale outro ponto de vista para ser analisado: antes de definir a sua moradia, seria interessante calcular os gastos de acomodação e transporte como sendo algo conjunto, uma vez que um influencia no outro.

Se você morar longe do centro e tiver todos os compromissos na zona central, o seu custo com transporte será mais elevado, visto que em Barcelona o bilhete é calculado por zonas (explicaremos melhor no próximo tópico). Aliás, a cidade se divide em dez distritos: Ciutat Vella, L’Eixample, Sants-Montjuïc, Les Corts, Sarrià – Sant Gervasi, Grácia, Horta-Guinardó, Nou Barris, Sant Andreu e Sant Martí.

Grácia e Eixample são aqueles de maior densidade demográfica e com grande procura. Eles estão próximos de pontos turísticos e da vida noturna da cidade, portanto acabam sendo as zonas mais caras também. Nessa área você encontra apartamentos de um quarto a partir de 600€ por mês, já em regiões mais afastadas se consegue apartamento no mesmo padrão por 450€ ao mês.

Ao custo da acomodação, deve-se agregar o valor da taxa de luz, água, gás e coleta de lixo que, para um apartamento com duas pessoas, fica em torno de 150€.

Transporte

Como foi pontuado anteriormente, o valor gasto com locomoção em Barcelona vai variar de acordo com a distância percorrida entre os locais dos seus compromissos (casa, aula, trabalho, lazer, etc). Diferentemente do Brasil, onde a passagem tem um valor fixo independente da distância entre os pontos de embarque e desembarque, na cidade espanhola o valor da passagem é calculado em zonas. O preço aumenta a cada zona ultrapassada.

Barcelona - Qual o custo de vida em Barcelona? Transporte em Barcelona - zonas.

O ticket simples para uma viagem de uma zona, que pode ser de metrô, ônibus, trem ou funicular (o sistema de transporte é integrado), custa atualmente 2,15 €, mas há diversas alternativas para economizar. Você pode comprar bilhetes diários, semanais, mensais, trimestrais além de por quantitativo de viagens. A TMB (operadora de transporte público) também oferece tarifas especiais para pessoas com famílias numerosas, crianças, adolescentes com idade até 16 anos e jovens de até 25 anos.

Transporte. Barcelona - valor Barcelona - Qual o custo de vida em Barcelona?

Alimentação

A Organização de Consumidores e Usuários (OCU) realiza pesquisas periódicas para informar os consumidores sobre os melhores preços de diversos tipos de produtos e serviços na Espanha. Sempre no final de cada ano a OCU publica o balanço dos valores gastos em cada rede de supermercado na compra de produtos semelhantes. No último ano, o consumidor gastou entre 350 € e 400 € por mês.

Ainda de acordo com a pesquisa de 2016, dependendo do local onde você faz as suas compras mensais, você pode economizar mais de 400 € ao ano. Na última análise realizada, a rede mais econômica presente em Barcelona foi a Alcampo, com uma diferença de 200 € em seguida estão Mercadona, Lidl e Consum, logo depois, Carrefour e Dia custando 300 € a mais.

Comparativo de alimentação Barcelona/São Paulo - Barcelona - Qual o custo de vida em Barcelona?

Dicas: Alguns supermercados espanhóis oferecem alimentos da sua própria marca que são bem mais baratos que alimentos de marcas externas. Muitos produtos têm uma ótima qualidade e podem representar uma boa economia nas suas compras mensais. Então a diaa é provar as marcas da casa para saber quais serão os seus escolhidos todo mês.

Comprar em pequenos mercados no centro da cidade é bem mais caro que comprar nas grandes redes em bairros mais afastados.
Os preços de alimentos frescos foram os que mais aumentaram no último ano, 6,3%. Portanto, se quiser economizar, invista em alimentos congelados ou em conserva. Balancear a alimentação com os dois tipos de produtos pode ser uma boa ideia.

Entretenimento

Agora vamos falar de diversão. Quem gosta de passar o seu tempo livre no cinema, uma sessão para dois está custando em média 16€. Já um espetáculo de teatro para duas pessoas acomodadas nos melhores assentos disponíveis, 83€.

Se você prefere sair para comer, um combo nas famosas redes de fast foods custa 7€, um almoço executivo 12€, e um jantar para dois em um restaurante que inclua entrada, prato principal, sobremesa e bebida, apenas 50€.

Já aqueles que gostam de festa, os Pubs catalães cobram por volta de 5€ em uma cerveja e 8€ em um drink com destilado. O táxi para voltar para casa começa com 2,50€ de bandeirada.

Dicas:

Para aqueles que querem matar as saudades de casa e economizar um pouco, o Centro Cultural do Brasil sempre oferece uma agenda com eventos relacionados ao país. Tudo gratuitamente.

Muitos museus da cidade têm entrada gratuita no primeiro domingo de cada mês, então esta é a melhor data para visita-los e fazer um passeio mais cultural.

O site Atrapalo sempre tem cupons de descontos para restaurantes, shows, festas e peças.

Outras necessidades

Saúde: O sistema de saúde pública da Espanha como um todo é muito bem avaliado, portanto a maioria dos residentes (ainda que estrangeiros) faz uso deste sistema. Porém se algum turista (que não tem o direito ao sistema público de saúde) desejar realizar uma consulta médica em Barcelona, ele vai desembolsar em torno de 52€. Remédios como antibióticos e antigripais custam em média de 4€ a 5€.

Atividade Física: para frequentar uma academia, você irá pagar entre 44€ e 55€ em planos mensais.

Telefonia e Internet: Assim como no Brasil, na Espanha cada telefônica oferece uma vantagem diferente, então ao escolher o seu plano deve-se levar em consideração o que você usa mais, dados ou ligações. Em algumas companhias os preços são bem impressionantes. Já imaginou ligar para o Brasil e matar as saudades por apenas 0,05€ por minuto? Pois é, isto é possível.

Portanto se você tem algum parente que não é muito adepto da tecnologia e prefere a boa e velha conversa por voz, o plano pré-pago SImMundo da Orange vai ajudar muito.

Barcelona - Qual o custo de vida em Barcelona? - Telefonia em Barcelona

Outras telefônicas focam mais em oferecer planos com pacotes de dados convidativos, como é o caso da Movistar. A telefônica oferece planos de 6GB + 200min em ligações locais por 26€, e de 20GB com ligações ilimitadas por 45€. Outras empresas, tais como Vodafone e Yoigo também oferecem os mais diversos tipos de pacotes e tarifas.

Obs: Câmbio do dia 1€ = R$3,47

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta