Página Inicial Destino Intercâmbio em Sevilha, Espanha – Parte 1

Intercâmbio em Sevilha, Espanha – Parte 1

Olá, leitores!

Hoje inicio um especial sobre intercâmbio estudantil na Espanha, mais especificamente em Sevilha – capital da Andaluzia. Como morei na cidade durante dois semestres, nada mais justo que compartilhar com vocês minhas experiências e impressões do lugar – que me proporcionou um dos anos mais bacanas da minha vida.

Como fui parar lá? Bem, a Universidade do Vale do Itajaí (onde eu estudava) tem o Programa de Intercâmbio Acadêmico, no qual você presta alguns testes, faz entrevistas, tem seu currículo analisado e no fim do processo, caso aprovado, recebe uma bolsa de estudos parcial para um ou dois semestres.

Escolhi Sevilha, pois, para mim, era a opção mais interessante dentre as alternativas disponíveis: Portugal, Espanha ou Alemanha. Como não falo nada de alemão e queria adquirir fluência no espanhol, não pensei duas vezes. Enfim, passei no concurso e me mandei para lá.

A Universidad de Sevilla, onde estudei, tem convênio com várias universidades brasileiras, particulares e públicas. Mesmo que sua instituição não tenha um programa de intercâmbio específico, é possível que ela tenha parcerias com universidades estrangeiras. Basta se informar na secretaria como proceder para realizar a mobilidade.

Como este especial consistirá em uma série de artigos, vou tratar de um assunto por vez, dando dicas bastante úteis sobre os mais variados temas. Caso surjam dúvidas, perguntem através dos comentários. Terei o maior prazer em saná-las! Se você não tem interesse em ir para lá, sugiro que leia mesmo assim. Quem sabe não dá vontade?

Não estabeleci uma ordem ou critério para os assuntos que vou abordar. Mas o primeiro tópico não poderia deixar de ser “Procurando lugar para morar”. Não perca!

COMPARTILHAR

22 COMENTÁRIOS

  1. Gabriela, acho que vou aproveitar muito os seus comentários. Minha filha vai para Sevilha fazer intercâmbio, em janeiro/2011. Lugar prá morar certamente é o primeiro passo. Fale também, se possível, de sugestões para hospedagem prá quem não vai ficar muito tempo.
    Sucesso !

    • Oi, Roberto!
      Que bacana, tenho certeza que as dicas vão ser bastante úteis.
      Pode deixar que vou falar também sobre o que você sugeriu… Espero que o intercâmbio da tua filha seja ótimo!
      Abraço e obrigada pelo feedback.

  2. Olá.Boa noite Grabiela.Meu nome é Gabriel, tenho cidadania espanhola e penso em ir para lá trabalhar e estudar.Gostaria de saber se tens alguma dica em que trabalhar e que tipo de curso fazer.Tenho nível superior ,MBA em gestão empresarial e MBA em gestão bancária e financeira.Saberia dizer pela sua experiência se tenho possibilidade de arrumar emprego nessas áreas,se é difícil e se eles tem boa aceitação das pessoas que vem de fora.No caso de moradia,é muito caro ,é fácil de arrumar,entre outras coisas que você possa fornecer de informações.Se souberes de algum site também para consultar este tipo de coisa agradeço.Desde já obrigado pela sua atenção.

    Gabriel.

  3. Gabriela, minha filha cursa o quinto semestre da Faculdade de Direito, Universidade Federal do Ceará. Ela tem planos de fazer um intercambio na Espanha por 1 semestre. Voce poderia me dizer se existe essa possibilidade na Universidade de Sevilla? Por onde devemos começar? Informações de custos, etc. Ficaremos muito agradecidas pela ajuda!
    Obrigada antecipadamente,
    Fátima

    • Olá, Fátima! Olha, para saber essas informações vocês precisam entrar em contato com a Secretaria Acadêmica da Universidade Federal do Ceará. Só eles vão poder te informar se há parceria com a Universidad de Sevilla ou não. É bem provável que eles tenham um programa de intercâmbio e, se não tiver com Sevilha, pe possível que tenham com outra universidade da Espanha! Boa sorte, qualquer coisa, estou à disposição!

  4. ola gabriela, estou indo para sevillha em janeiro do ano que vem, vou fazer um curso de espanhol, e estou batante preocupada com relação a hospedagem. As primeiras 3 semanas eu vou ficar em acomodações estudantis pelo intercambio até achar um lugar pra ficar, mas estou bastante preocupada, como vc ja morou la vc tem alguem que possa me indicar pra alugar ou dividir algum apartamento??.
    obrigada

  5. Olá Gabriela, sou psicóloga e atuo na área da saúde. Interessa-me muito fazer doutorado na Espanha. Tenho mestrado já aqui em Recife. Não sei bem por onde começar. Comecei a estudar a lingua agora, há 2 meses. O principal seria buscar universidades que já tenham convênio com alguma faculdade brasileira e depois articular bolsa e ligação com o orientador para ver se há interesse dele trabalhar meu tema de pesquisa ? Ou ver logo becas para depois ver o convênio ? O convênio seria para facilitar o reconhecimento do título futuramente. Todas as seleções para as bolsas pedem o teste da lingua ? o delf ? aguardo contato, obrigada pela atenção. Clarissa

  6. Oi Gabriela, tudo bem?

    Estou planejando ir para Sevilla fazer curso de espanhol pelo período de 3 meses… Pesquisando as opções de alojamento, e lendo as dicas no seu blog, cheguei a conclusão que a melhor alternativa seria alugar um estudio ou algo assim para morar durante o periodo (procurei naquele site http://www.enalquiler.com/ que vc indicou e achei algumas alterntivas viaveis)…

    Ocorre que como vc mesma sugeriu, eu não quero fechar nenhum contrato de aluguel pela internet, sem ter visto o imovel com meus proprios olhos… Por isso o plano é ir com alguns contatos viáveis, ficar a primeira semana num hostel, e então fechar o aluguel com o apto que mais me interessar…

    A minha duvida é:
    Para tirar o visto eu preciso comprovar aonde eu vou morar durante todo o periodo de estadia no país…
    Como eu faço pra comprovar isso, se eu vou sem ter fechado nada???
    Vc tem alguma dica pra me dar nesse sentido, por favor??

    Espero que vc me responda ;))…
    Adoro seus posts, são muito úteis!!!
    Bjs

    • Oi, Vanessa!

      Obrigada, é muito bom saber que consigo ajudar as pessoas que querem viajar de alguma forma. 😉

      Olha, na minha época não precisava comprovar residência para tirar o visto, achei bem estranho isso. Até porque, você só vai ficar três meses, e para isso nem precisa visto, pois é a duração de um visto de turista, que você ganha o carimbo na hora em que chega ao país. Não sei se as leis mudaram, mas é bom que você se informe direitinho, para não ter que passar por milhões de burocracias à toa.

  7. Olá Gabriela,

    Consegui a aceitação da Universidad de Sevilla como estudante visitante para me matricular lá em fevereiro de 2013. Estou terminando o 5 periodo de Arquitetura na UFPI e estou muito interessada em ir. A maior facilidade é meu pai fazer o pós doutorado dele em Córdoba e facilitar muito. O que você me sugere: Morar em Córdoba e ir pra Sevilla pra universidade ou morar mesmo em Sevilla? Outra dúvida é: Como faço pra me comunicar logo com os estudantes de arquitetura de lá? Especialmente os brasileiros, já que sou muito tímida e quero logo fazendo meus contatos por lá. Desde já agradecida

    • Marcela, o melhor a fazer é morar em Sevilha. Córdoba é perto, mas ruim pra ir e voltar todo dia. Procura no Facebook pelo curso e a universidade, deve ter vários grupos de estudantes. Também é bacana procurar pessoas da tua universidade que já foram pra lá estudar arquitetura, eles podem te dar boas indicações. Abraço e boa sorte!

  8. Olá Gabriela,
    Sou aluna de graduação e tenho interesse em fazer intercambio na Universidad de Sevilla. Estou inscrita em um programa de bolsas em minha universidade, porém todo o contato referente ao aceite para eu fazer o intercâmbio deve ser feito por mim. Já mandei alguns e-mails, porém não obtive resposta.
    Você teria alguma dica para me ajudar?
    Como você fez o seu processo?
    Obrigada

  9. eu sou leilianevieirae gostaria de fazer um intercâmbio em Sevilha na Espanha primeiro por que eu adoro este lugar me ajuda por favor

  10. Olá

    Estou indo estudar na Universidade de Sevilha na Faculdade de Farmácia de Junho a Novembro. Entrei em contato com o Colegio Mayor de lá e achei um pouco caro em relação a hospedagem (700 euros por mês). Não conheço nada por lá. Gostaria de algumas dicas sobre moradia na Universidade de Sevilha. Muito obrigada. Francine

Deixe uma resposta