Página Inicial Destino Recomendações de um brasileiro no Canadá sobre pontos turísticos em Toronto

Recomendações de um brasileiro no Canadá sobre pontos turísticos em Toronto

Primeiramente, gostaria de agradecer a Tati Dias e ao Christian (leia-se “Sair do Brasil”) pelo espaço cedido aqui no site. Continuarei aqui com vocês presentes!

Aproveito ainda o ensejo para esclarecer que essa mudança em 2010 tem como principal objetivo manter a qualidade das informações aqui do site, visto que estou envolvido em inúmeros projetos e jobs que mudaram completamente minha vida pessoal e profissional (para melhor! rs…), e que, em detrimento a esse novo ciclo, infelizmente fiquei impossibilitado de continuar na administração do “Canadá Brasileiro”.

Bom, mas vamos ao que interessa… Pretendo com este artigo fazer um esboço sobre algumas atrações na cidade de Toronto, para quem deseja visitar e/ou estudar nesta cidade belíssima. A ideia é que este seja apenas a primeira parte do artigo, tenho pretensão outros artigos seguindo esse foco. Vamos ver!

Bem, em Toronto, as duas maiores atrações, tanto em dimensão quanto em altura, são “vizinhas”: a CN Tower e o Sky Dome.

CN Tower (preço médio: CAD$ 25.99) – essa é a mais alta – ou uma das mais altas – estruturas sem sustentação do mundo, chegando a quase 560 metros. A torre oferece vistas deslumbrantes de diferentes pontos da cidade e do Lago Ontário.

Outra dica é conhecer o “Glass Floor”, o famoso piso de vidro, aonde o visitante pode observar o solo que fica a 300metros abaixo apenas pisando nessa grossa placa de vidro!

Você também pode conhecer o “360º Restaurant”, que oferece uma vista maravilhosa enquanto o seu salão gira lentamente.

SkyDome: Inaugurado em 1989, foi o 1º estádio esportivo do mundo a ter um teto móvel. É imperdível de assistir as partidas de Beisebol do aclamado time Toronto Blue Jays comendo o Hot Dog mais barato de todos os estádios do mundo. Você ainda pode encontrar um Hard Rock Café que tem vista para o interior do estádio; é fantástico!!

Casa Loma (preço médio: CAD$ 17.00) – é um castelo de estilo medieval que abriu as suas portas em 1914 e que até hoje está aberto para visitações a três andares mais o subsolo, grandes torres, passagens secretas, terraços, 98 cômodos, biblioteca (mais de 10 mil livros) e aos jardins (excelente para fotografias)!!

Toronto Islands: é formada por quatro ilhas e uma praia, além de restaurantes e muita área verde. O melhor de tudo é a vista que se tem da cidade de Toronto.

>> Sugestões

Com o Citypass, você pode visitar as 6 maiores atrações da cidade de Toronto. O custo desse passeio é de CAD$ 51.00. Caso você optasse por pagar individualmente essas atrações, não sairia por menos de CAD$ 95.77… é praticamente 50% de desconto!

O passeio inclui a ida até os seguintes locais:

– CN Tower

– Art Gallery of Ontario

– Royal Ontario Museum

– Casa Loma

– Ontário Science Centre

– Toronto Zôo

Além disso, há também a possibilidade de você visitar determinadas atrações sem qualquer custo. Por exemplo, no Royal Ontario Museum, após as 16:30 nas sextas-feiras você não paga a entrada. No Bata Shoe Museum, toda quinta-feira, os horários compreendidos entre 17h00 e 20h00 você também não paga para entrar. Já nas noites de quarta-feira, a entrada é gratuita no Art Gallery of Ontário (AGO).

Outra opção muito interessante é você caminhar pelo Eaton Centre. Você vai encontrar muitas lojas legais, e detalhe: algumas estão onsale, com descontos imperdíveis. Outra coisa interessante é andar pelo Path (Downstairs). Recomendo que você comece pela estação St. Andrews e siga até o Eaton Centre. Se não me engano, o Path fecha às 18h00, enquanto o Eaton fecha às 21h00.

Mais uma dica é andar pela Younge. Esse é um local que você encontrará muitas lojas enormes, com bons produtos e com muitos preços atrativos. Recomendo que comece andando pela Bloor-Youge e siga até a Union Station. De lá, você poderá ver a CN Tower (bem de longe), o Air Canadá, etc.

Agora com a Copa do Mundo se aproximando, recomendo que assista aos jogos em algum pub. A grande maioria não cobra nenhum valor para entrar, somente se você consumir (obviamente!). Recomendo ir com uma galera e curtir. Eu sempre fazia isso em jogos que rolavam, e a diversão era garantida! =)

Para finalizar essas recomendações, uma dica que não chega a ser “de graça”, mas é praticamente! =P Trata-se de comer no Tim Hortons, local onde você vai encontrar muitos tipos de café (amo café!), com leite, cappucino, etc. Nesse mesmo local você encontra uns bolinhos tipo Donuts, custando em torno de CAD$ 1.50. Uma excelente sobremesa que é bem vinda a qualquer hora do dia! ^^

>> Quer passear em Nova Iorque?

Antes de tudo, cabe ressaltar que, além do visto canadense, você deve possuir o visto Americano também, caso deseje passear por NY.

Bom, um roteiro que recomendo para esse trajeto é você pegar um ônibus até Buffalo (cerca de 2 horas), o custo gira em torno de CAD$ 40.00 (incluso ida e volta), e chegando lá, pegar um voo Jet Blue para NY, o que lhe custará aproximadamente CAD$ 99.00 (ida e volta). Além disso, recomendo também que faça uma busca por voos da própria Air canada, nas segundas feiras ou da AA, pois têm o costumam de baixarem o preço para 200 dólares, e claro, será muito mais rápido.

Espero que tenham gostado!

That’s all Folks!
Tiago Souza
tiago@planteria.com.br

COMPARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. SENSACIONAL! Acho que esta matéria foi feita pra mim! heheheh
    Dicas ótimas do que fazer, além de que quero muito conhecer NY tbm…

    Parabéns Tiago

    Abs

  2. Vale lembrar também que o SkyDome mudou de nome para “Rogers Centre” em 2005. O Hard Rock se não estou enganada encerrou operação no estadio no fim de 2009, estando agora somente no endereço da Yonge & Dundas.
    Parabens pela reportagem! É legal os visitantes terem uma ideia do que Toronto tem a oferecer 🙂
    Abs

  3. Nunca viajei para fora do Brasil mas sem sombra de dúvidas irei para o canada e em especial para Toronto, no momento estou estudando ingles, ou seja me preparando.Tiago parabnes pelas suas dicas vc nem imagina o quanto ela me ajudou e me tirou duvidas so gostaria de saber qual o melhor lugar para se hospedar e claro mais barato, pois quero economizar no hotel para gastar em passeios, alias acho que mal vou dormir nessa cidade de tanto lugar que se tem pra conhecer, e gostaria que vc falasse um pouco de Niagara.

    Grato

    • Olá Lucivaldo!
      Primeiramente, obrigado pelos elogios!
      Quanto ao Hotel, só para você ter ideia, em uma rápida busca no site hoteis.com encontrei hoteis de até R$108 (isso mesmo, cento e oito reais).
      Agora, o ideal é que você reserve apenas alguns poucos dias pois depois com mais calma e pelas suas próprias caminhadas pela província poderá escolher algum outro melhor localizado e que seja bom e barato.
      Abraços!

  4. adoorei, vou viajar para o Canadá em dezembro deste ano e suas dicas serão muito uteis.Só estou um pouco preocupa quanto ao frio. Será que em uma estação do ano mais quente eu poderia aproveitar mais da viajem?
    Beeijos.

    • Muito boa as suas dicas!
      Estou indo para Toronto estudar inglês durante 1 mês, em dezembro. E, além da minha amiga já ter me dado várias dicas, pois morou em Toronto e agora está indo para Vancouver, é sempre bom ouvir uma segunda opinião.
      Mas, tenho a mesma dúvida da Jana… vale a pena ir no inverno. Já sei que o frio é bem rigoroso, mas que a cidade é muito bem preparada também para isso e várias atividades para se fazer no inverno… De qualquer forma, só posso ir em dezembro mesmo, por conta das minhas férias.
      Aliás, Jana, quando você vai e aonde vai ficar. Eu devo estar indo na última semana de novembro.
      Att,
      Vicentte

Deixe uma resposta