Página Inicial Transporte Transporte público da capital da Inglaterra

Transporte público da capital da Inglaterra

O sistema de transporte público de Londres é conhecido por ser um dos melhores do mundo. Não conheço todos os buracos do planeta pra dizer se isso é verdade ou não, mas não tenho do que reclamar quanto à pontualidade e eficiência do serviço. E é sobre ele que vou falar na coluna semanal do Pra Ver em Londres aqui no site Sair do Brasil hoje.Além do famoso underground (metrô), a cidade conta com trens, ônibus e até mesmo barcos para quem quer dar um rolê pelo Tâmisa. Dificilmente você terá que andar mais do que três quadras para chegar ao ponto ou estação mais próxima da sua casa.

Outro aspecto sensacional é que você jamais espera mais do que 15 minutos para pegar um ônibus ou trem – mesmo aos domingos ou madrugada (neste caso só ônibus funcionam). O metrô, por outro lado, não te faz esperar mais do que cinco minutos.

Um aspecto curioso é que os ônibus nunca estão superlotados como é comum ver em qualquer cidade brasileira. Isso ocorre porque o motorista controla a quantidade de pessoas que adentra ao veículo. Quando chega no limite para que todos fiquem confortáveis ele simplesmente não deixa mais ninguém entrar.

Parece um sonho, não? Nada de passar aperto, ser encoxado, tomar sacolada das tias voltando do mercado ou aguentar o trabalhadores voltando pra casa após um árduo dia de trabalho no verão. Argh!

Já no metrô isso não ocorre. Nos horários de pico as sacoladas, encoxadas (watch your back) e o cheirinho agradável das 18 horas são constantes. O negócio vira um caos total. E pra piorar os vagões não têm ar condicionado. Em dias quentes uma viagem no underground é quase insuportável. Se você sofre de pressão baixa leve seu saquinho de sal pois as chances de passar mal são grandes.

Preços

Pior mesmo que o calor do underground só o preço salgadíssimo. As opções para comprar passagens são diversas, mas o mais em conta é usar o Oyster Card. Neste vídeo , o site Canal Londres explica bem o que é o Oyster e como você deve usá-lo.

Nós, por exemplo, gastamos £18 por semana (cada um) para ter acesso livre às zonas 1 e 2 – seja de trem, metrô ou ônibus. Vale lembrar que estudantes têm um desconto de 30%. O preço normal seria de £25 por semana.

No site do Transport for London (TFL) você pode conferir a tabela completa de preços. As tarifas mudam, inclusive, de acordo com o horário que você for utilizar o serviço. Hora de pico é sempre mais cara.

Uma boa dica é utilizar ônibus, pois eles não são contados por zona. Ou seja, se você possuir um Travelcard que permita rodar somente na zona 1 poderá pegar ônibus em qualquer área da cidade sem pagar mais por isso.

Em geral as informações mais importantes sobre o transporte público são essas. Mas eu sei que isso sempre desperta muitas dúvidas. Portanto, fique à vontade para perguntar algo que não tenha sido esclarecido aqui.

Visite:

http://www.tfl.gov.uk/tickets/14416.aspx

https://oyster.tfl.gov.uk/oyster/entry.do

Foto do arquivo pessoal do João Guilherme Brotto

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta