Página Inicial Outros Notícias Nova mudança no passaporte Brasileiro

Nova mudança no passaporte Brasileiro

Ainda neste ano mais precisamente em dezembro, os passaportes comuns emitidos pela Polícia Federal terão chip eletrônico, tecnologia já adotada por países da União Europeia, Japão, Austrália e Estados Unidos. O novo documento será mais seguro que o atual, emitido desde dezembro de 2006. Por dia, a Casa da Moeda emite de 5.000 a 6.000 passaportes comuns.

O passaporte com chip vai custar quase o dobro para a Polícia Federal, segundo o gerente de Logística, Rogério Galoro. O Ministério da Justiça, responsável por determinar os valores do documento, confirmou que a taxa de emissão vai aumentar, mas o porcentual não foi definido. Segundo a pasta, “não será um aumento exorbitante”. Quando o modelo mudou, há quatro anos, a taxa aumentou de R$ 89,10 para R$ 156,07.

A cor azul, padronizada para países do Mercosul, será mantida no novo passaporte, que terá um símbolo na capa indicando a presença do chip. As dez digitais, a foto e a assinatura ficarão armazenadas nele. Inserido na contracapa, não ficará exposto e a leitura será feita por radio frequência. A página com informações do passageiro ainda será enrijecida. Galoro diz: “E o chip é travado, ninguém consegue alterar os dados. Além disso, pode ser lido por qualquer autoridade de imigração do mundo.”

A Polícia Federal vai começar, ainda neste ano, a compra de guichês de imigração automáticos que fazem a leitura do chip do passaporte e a análise biométrica do passageiro. Essa prática deverá reduzir as filas nos principais aeroportos.

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Eu tenho passaporte brasileiro com validade até fevereiro de 2012 se eu for viajar para o exterior antes dessa data eu vou ter que mudar de passaporte para o novo com o chip???

    Obrigada!

Deixe uma resposta