Ciclone Thomas espalha rastro de destruição nas ilhas Fiji

Nas ilhas Fiji foi decretado o estado de catástrofe natural. O ciclone Thomas, de categoria quatro, destruiu várias casas e obrigou, até agora, à evacuação de 17 mil pessoas.

Nesta fase só está confirmada a morte de uma mulher, mas as autoridades temem um aumento dos números, numa altura em que as comunicações foram atingidas. Viti Levu e Yanua Levu, duas das ilhas principais, foram as áreas mais afetadas.

Prevê-se que os ventos possam alcançar velocidades de 280 quilômetros por hora. Por esse motivo, accionou-se o recolher obrigatório e cancelaram-se os voos internacionais. As escolas encontram-se fechadas e os serviços públicos ficaram suspensos.

Os registos indicam que o ciclone estava a gerar ondas de 7,2 metros de altura, tendo sido descrito como uma das tempestades mais poderosas dos últimos anos.

Segundo a meteorologia, o Thomas deve começar a perder intensidade dentro de 12 horas, sem atingir Suva, a capital do arquipélago.

Por: euronews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *