Página Inicial Destino Noruega como uma opção de trabalho no exterior e destino de viagem.

Noruega como uma opção de trabalho no exterior e destino de viagem.

30
Comecei a escrever este artigo muito antes dos ataques em Oslo. E apesar da tragédia o conteúdo do texto não mudou e acho que ainda vale a pena ter a Noruega como uma opção de trabalho no exterior e destino de viagem.

Onde é que se pode trabalhar por 2 ou 3 meses, conseguir viver tranquilamente e depois de tudo ainda ter dinheiro guardado no banco?

Pois tal lugar existe! A Escandinávia! Praticamente um paraíso socialista, os países escandinavos oferecem inúmeras oportunidades de emprego durante o verão Europeu. O meu destino desta vez foi a Noruega.

Cada país tem áreas específicas nas quais o estrangeiro pode trabalhar. Na Noruega as opções vão de trabalho rural, como colhendo morangos ou cortando árvores para ter lenha no inverno, até trabalhar em lojas de souvenirs para turistas. Esta ultima é uma excelente opção para quem fala vários idiomas. O salários variam de acordo com o trabalho, mas normalmente estão em uma faixa de 1000 a 2000 reais por semana, dependendo de quantas horas de trabalho pode ser até mais.
O processo não é tão difícil como parece. Porém, há que se preparar e seguir as leis para ter uma estada segura e sem dores de cabeça.
Então, para você que jamais considerou ir para a Noruega ou qualquer outro país escandinavo, aqui vão algumas razões para colocar o lugar no seu mapa de viagens: a qualidade de vida na Escandinávia é a melhor do mundo; a vida é cara mas se ganha de acordo para manter o padrão – normalmente se ganha 20 dólares ou mais a hora; saúde e educação são acessíveis a todos; paisagens maravilhosas – o lugar inspirou livros como as Crônicas de Narnia e O Senhor dos Anéis; ter a oportunidade de ver “O Sol da Meia Noite” e , com um pouco de sorte, se até mesmo a aurora boreal no inverno; e para os aventureiros, existem milhares de montanhas e florestas para serem exploradas.
A única coisa imprevisível por aqui é o tempo! A temperatura no verão não passa de 18 – 20 graus. Parece que o Sol está sempre em uma batalha constante para brilhar.

Gostou e ficou curioso? Quer saber como se faz para viajar para Noruega e ainda ganhar para isso? Aqui vão algumas dicas: 
Procure na Net por oportunidades nestes países. Mais informações de que tipo de trabalhos, você pode encontrar até mesmo no site da embaixada de um desses países. Há oportunidades no interior do país e também em cidades turísticas como Bergen, Voss e outras.
Uma vez que você já encontrou o que quer, entre em contato com a embaixada norueguesa, dinamarquesa, sueca ou de qualquer outro país escandinavo para começar o processo de visto. O processo não demora mais do que 4 semanas. É importante ter um lugar para morar na Noruega quando você fizer o pedido de visto. Pode-se encontrar um lugar pela internet mesmo, em uma rápida busca encontrei sites como este: http://www.bergen-guide.com/accommodation/apartments. 
Se tiver mais dúvidas a própria Embaixada pode lhe auxiliar, e não tenha medo, eles são muito simpáticos.
Uma vez que o visto estiver aprovado, você receberá uma carta com uma cópia eletrônica para o seu endereço de e-mail. Com essa carta não mão, é só comprar a passagem e embarcar rumo às terras nórdicas.
O ultimo passo é, uma vez já na Noruega, ir a um distrito policial com a carta da embaixada. Lá eles colocaram um tipo de selo ou identidade no seu passaporte e com esse selo você deve ir a receita federal norueguesa onde eles te darão um “tax number”, como se fosse o CPF. Este demora duas semanas para chegar, mas vc já pode começar a trabalhar mesmo sem ele. Porém, seu empregador só poderá te pagar quando ele tiver o seu “tax number”.

Além de tudo isso, nos seus dias de folga, que tem ser respeitados por lei, você pode viajar e conhecer os famosos Fjords noruegueses, por exemplo. Vale a pena os dois ou três meses de trabalho árduo! A vida é muito cara, porém seu salário acompanhará o custo de vida, então não se preocupe.
Termino este texto fazendo uma pequena homenagem as vítimas destes ataques. Mesmo não sendo norueguesa e visitando o país pela primeira vez, foi muito difícil não se emocionar com as famílias das vítimas e com a maneira pela qual o povo se uniu para apoiar uns aos outros. Foram dias difíceis e de muita dor, mas ao mesmo tempo foram dias onde se viu a solidariedade e união do povo de forma ímpar. Por estas e outras, recomendo a Noruega como um lugar maravilhoso para se visitar.
COMPARTILHAR

30 COMENTÁRIOS

  1. Olá Letícia,
    Eu sou fascinado por viagens, porém minha idade talvez me impeça de realizar tal fato. Tenho 17 anos, completando 18 em fevereiro do ano que vem.

    Gostei desse artigo, e eu realmente gosto muito do maravilhoso frio.

    Se você puder, gostaria de saber mais sobre como iniciar, alguns passos para um adolescente sonhador que busca conhecer outras culturas.

    Acho que você poderá ver meu e-mail, ou minha página na web, então, se não ocupar muito tempo, gostaria de saber mais sobre onde começar, enquanto isso vou ler mais algumas coisas no seu blog.

    Abraços!

    • Oi Eric!
      Eu saí do Brasil bem jovem aos 19anos. A dica número um é falar idiomas. Inglês é pre-requisito em qualquer parte do mundo, e se puder ter um terceiro idioma é ainda melhor. Eu aprendi tanto o inglês quanto o espanhol sozinha, ou seja é possível, basta ter muita disciplina e força de vontade.
      E quanto as viagens, fique atento a programas de intercâmbio. Eu creio que é a maneira mais seguro e proveitosa para um adolescente se lançar ao mundo. Seja programas de estudo no exterior ou até trabalho temporário. Hoje há facilidades de pagamento e coisas do tipo, então fique de olhos bem abertos.
      Um abraço.

  2. Oi Letícia,

    Li seu perfil acima e não resisti. Tive que enviar um comentário, tamanha foi a identificação com o seu estilo. Bom, me chamo Sávio, sou brasileiro, de Fortaleza-CE e também sou um apaixonado por viagens. Atualmente moro na Austrália, mas já visitei Nova Zelândia e França. Gosto de trocar idéias sobre experiências de viagens. Let’s talk ! See you !

  3. A Noruega é de facto um pais extraordinário para se visitar e também para viver. No entanto, penso que não conseguiria estar lá de Inverno devido à ausência de luz (é porque eu sofro de depressão sazonal). Acho verdadeiramente fantástico o modelo social dos países Nórdicos, não sei como seria se fosse aplicado aos países latinos. Cá todos querem ter uma casa maior e melhor que a do vizinho!!!
    Eu sou apaixonado pela viagem de barco da Hurtigruten que parte de Bergen. É mesmo espectacular. As paisagens proporcionadas pelas ilhas Lofoten são quase irreais!
    Boas Viagens

  4. Olá, Letícia, bom dia!

    Como foi bom ter encontrado este seu artigo, nada mais a dizer sobre suas palavras se não dizer que está perfeito e você de parabéns! Ajudou a todos nós com nossas dúvidas. Sou daqueles viajantes aventureiros, com a cabeça no lugar mas que adora conhecer tudo que é lugar.

    Conheci várias cidades do Brasil mas nunca tive a oportunidade de sair daqui, embora queira muito. Infelizmente minha idade, eu acho, meio avançada para pensar nisso (29), mas penso muito na possibilidade. Estou treinando meu inglês, pensando já no italiano; acho que depois que você perde muitas coisas na vida, como pai e mãe, por exemplo, como eu já perdi, a vontade que você tem é sair pelo mundo, trabalhar e curtir o momento projetando seu futuro.

    Mas, quem sabe um dia, Deus é bom!
    Obrigado pelo texto, escreva mais vezes, please!
    Abraço e Deus te abençoe!

    • OI Matias!
      Sim, já estou preparando o próximo! Olha, não tem idade para se viajar e experimentar coisas novas! Encontro muita gente nas minhas “caminhadas” por ai até mais velhos que você. Se bem que nem eu sou tão mais nova do que você assim! O grande lance é se jogar!
      Um abraço, tudo de bom para você! E quem sabe a gente não se vê em algum aeroporto desta vida?!

  5. Sim, Letícia, é verdade! A idade não é obstáculo para qualquer coisa na vida quando se tem vontade. Mas a saída do país além de muito planejamento, creio que precisa de uma “indicação” (pode ser o termo força mesmo), um parente ou amigo que já esteja em terras estrangeiras. Isso facilita muito as coisas.

    Mas tudo pode acontecer. Se um dia encontrar vocês pelos aeroportos da vida certamente lhe daria um Oscar pelo pelo artigo escrito, rsrs. Para brasileiros curiosos sobre terras estrangeiras artigos assim só nos ajudam. Aliás, tem mais alguns outros que você tenha escrito aqui? o site tem um enorme conteúdo, e até acha-lo pode demorar um pouco. Poderia me dizer?

    É isso. Boa noite, trade ou manhã para você1 Abraço!

  6. Olá, sou cidadão brasileiro e residi na europa por muitos anos (Portugal e Espanha), agora preciso refazer minha vida e necessito de ajuda no que tange a informações sobre onde ficar e trabalhar na Noruega. Por favor enviem para meu e-mail:andgpires@gmail.com

  7. Olá Letícia!
    Nossa, voce esclareceu muitas cosias para mim.
    O meu sonho é sair do Rio de janeiro, e ir para Europa, estava verificando sobre a Irlanda, mas sempre me encantei com os países mais frios, e resolvi procurar sobre os que voce citou. Só queria saber mais algumas coisas se voce puder. Na irlanda, existem intercambios no qual voce pode ficar mais de um ano e talz, na Noruega tbm?
    E para tirar o visto é mais complicado?
    Tenho que juntar muita grana?
    Desde já agradeço.
    Alan

    • Oi Alan!
      A Noruega é sim um país caro.
      Mas por exemplo, se você quiser hoje fazer seu mestrado lá é tudo de graça.
      O processo de visto não é complicado e se não me engano você pode conseguir uma “work permit” com o visto de estudante. Ou seja, dá pra estudar e viver.
      É sempre bom ter alguma coisa guardada em caso de emergência e tal, mas não é fundamental.
      Dê uma olhada em oportunidades de estudo por lá, acho que é uma boa!
      Um abraço,
      Leticia.

  8. Boa tarde,
    Agradeço muito pelo texto!!! Eu estudava a possibilidade de ir morar lá quando me deparei com o seu artigo. Me sinto bem mais confiante agora!
    Eu só gostaria de saber se seria muito risco ir para lá com o intuito de estudar e trabalhar. Eu falo inglês, arranho no espanhol, alemão e francês, e iria fazer a faculdade por lá. Além disto quero fazer um pouco de norueguês, com foco em conversação, para ano que vem, possivelmente, ir morar por lá.
    Você saberia dizer, com base nessas informações, se é um plano muito arriscado?
    Obrigado

  9. Olá, lendo o seu artigo me interessei muito pela noruega
    Voc6e conhece ou recomenda algum site ou instiuição que oferece informaçoes e oportunidade de trabalho ou que facilitem encontra-lo?

  10. Olá,letícia!!
    Me chamo Raíssa, sou brasileira, de Recife-PE, tenho 14 anos e desde que vi bastante fotos sobre a Noruega me apaixonei.Pretendo visitar assim que fizer uns 20 anos e espero que a experiência seja boa, pois de acordo com o seu artigo, a Noruega é mesmo o lugar dos sonhos de qualquer um, porém tem o clima que é diferente. Viajar é muito bom, por isso quero levar pra minha vida, minha avó mora nos Estados Unidos e pretendo visitá-la . Beijão

  11. Olá lendo seu artigo me senti um pouco mais confiante, meu marido está com uma proposta de emprego na Noruega e eu estou muito apreensiva, pois nunca imaginei morar fora do país, ainda mais em um lugar tão frio.
    Estamos na espectativa, mas acredito que até o próximo ano estaremos nos mudando.

  12. Olá Letícia, tudo bem?
    Se eu quiser ficar mais de 3 meses na Noruega, eu sou obrigado a voltar para o Brasil ou posso renovar o visto lá mesmo? Tem alguma maneira de ficar permanente na Noruega?

    Obrigado!

  13. Um dos artigos mais cor-de-rosa que já li sobre Escandinávia. Superficial, faltou informação. Moro na Dinamarca e aqui não tem montanhas – só para dar um exemplo. Para morar aqui ou na Suécia, não é esse café-com-leite, não. Tem gente que nem casando obtém o visto. Aconselho as pessoas que pensam em morar fora do Brasil (principalmente na Escandinávia) a pesquisarem fontes seguras e confiáveis, ligadas ao governo do país para onde querem ir (ex.: aqui na Dinamarca existe o http://www.nyidanmark.dk, com versão em inglês e dinamarquês). A saúde e educação são gratuitas aqui na Dinamarca, mas há regras para serem obedecidas e obter o direito. Não é oba-oba, como alguns pensam. Há uma diferença muito grande entre ser estudante, arrumar um trabalho meio-período e ficar num país por dois ou três meses e morar definitivamente nesse país, e muita gente confunde tudo e acha que vai ser a maior moleza. Mudar de país é um assunto muito sério. E só para constar, a Escandinávia não é “socialista”: são países de monarquia parlamentarista, com eficientes programas de bem-estar social e uma filosofia de equidade, que para os leigos parece socialismo… Coerência é bom, e informação correta, melhor ainda.

    • Cristiane, tenho muita vontade de morar fora do Brasil, mais por querer conhecer novos povos e culturas e gostaria de saber de você se pode me auxiliar com isso, tipo me indicando alguma empresa ou agencia de emprego. Estou guardando um dinheiro para viajar e gostaria de trabalhar nesse periodo. Obrigado pela atenção…. obrigado

  14. I’d wish to thank you for that efforts you have created in writing this write-up. I’m hoping the exact same most effective work from you inside the potential also. Actually your creative writing skills has inspired me to begin my personal BlogEngine weblog now.

  15. Olá vim dizer que adorei esse post. Eu vi uma reportagem sobre os fugitivos do Oriente Medio abrigados na Noruega, um deles disse que os norueguesea são as pessoas mais generosas do mundo e eu acredito vindo de um garoto que fugiu num navio nadou no mar da grecia fugindo da guarda costeira.Enfim como sabemos os países norticos sao belos, tem as melhorea qualidades de vida e por isso eu quero escolher um deles pra morar nem que for por meses.

  16. Ola bom dia estou planejando mora fora do brasil, gostaria muito d trabalho no exterior . Se for possivel ler minha mensagem e aguardo que responde a esse comentario desde d já agradeço…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui