Página Inicial Destino Irlanda

Irlanda

 

História

Uma mal sucedida rebelião em 1916 seguida de diversos anos de guerrilha resultou em 1921 na independência do Reino Unido para os 26 condados do sul; Os seis condados do norte (Irlanda do Norte) remanesceram parte de Grã Bretanha. Em 1948 Irlanda retirou-se da comunidade britânica; em 1973 juntou-se a comunidade europeia. Os governos irlandeses procuraram a pacífica unificação da Irlanda e cooperaram com a
Grã Bretanha contra os grupos terroristas.

Muita festa, cerveja e futebol. Três coisas que os irlandeses – como nós, brasileiros – adoram. O país não tem nada a ver com sua vizinha famosa, a Irlanda do Norte, nem com os atentados terroristas do IRA (já não mais existentes). Pelo contrário, o único perigo que o país oferece é que o visitante se apaixone pelo país, recheado de paisagens encantadoras. Castelos, ovelhas, falésias e montanhas estão por todas as partes da ilha, que fica a cerca de 80 quilômetros da costa oeste britânica. Os celtas chegaram na Irlanda por volta de 300 a.C., e controlaram o país por mil anos, deixando um legado cultural que sobrevive até hoje.

Status: República Parlamentarista da Irlanda

População:
3.797.257

Capital:
Dublin

Principais cidades: Cork, Dublin, Galway, Limerik

População da capital: Aproximadamente 1,5 milhão

Moeda corrente: EURO

Horário bancário: 10h às 15h

Transporte: É de boa qualidade, pode ser considerado de fácil acesso

Voltagem: 220V, com plugs de três pinos. É recomendável levar um adaptador ou pode pode ser comprado lá

Território: 70.285 km²

Data nacional: 17 de março (Dia de São Patrício, o padroeiro do país)

Idioma: Inglês e Irlandês (oficiais) apenas 1/5 da população ainda sabe falar Irlandês

Visto: Não é exigido para cursos de até 3 meses, basta carta de aceitação da escola. Para cursos superiores a 3 meses, o visto é obtido ao chegar no País. Estudantes matriculados em cursos superiores a 25 semanas obterão visto de estudante com permissão para trabalhar legalmente enquanto estudam.

Telecomunicação: O prefixo telefônico nacional é o 353

Cartões de Crédito: Amplamente aceitos

Fuso Horário: + 4 horas em relação à Brasília (sem horário de verão)

Trabalho: Permitido trabalhar até 20 horas por semana para estudantes matriculados em curso superiores a 25 semanas. (Esta regra está para ser alterada para matriculas superiores a um ano, algumas escolas já estão praticando a nova regra).

Salário: A partir de EUR 7,85 por hora, dependendo da área, do conhecimento do idioma e da experiência profissional.

Condução de Automóveis: Recomenda-se fazer a carteira de motorista internacional. Assim como na Inglaterra, os irlandeses dirigem “do lado errado”. Portanto só planeje alugar um carro se estiver pronto para esta novidade.

Clima: Invernos (janeiro a março) não rigorosos, verões (julho a setembro) frescos; consistentemente úmido; temperatura media no verão entre 16°C a 20°C. Os meses mais frios do ano são janeiro e fevereiro quando a temperatura varia entre 4°C a 8°C. com chuvas frequentes. No inverno, você deve dispor de um bom casaco, no verão você também deve estar preparado para um friozinho ao entardecer.

Religião: Católica Apostólica Romana 91,6% da população.

Cultura: A cultura é um ponto forte irlandês. Afinal, quem nunca ouviu a banda de rock U2? Na literatura, autores como Oscar Wilde, Samuel Beckett e James Joyce ficaram conhecidos mundialmente por suas obras.
Dublin está no centro de tudo que é emocionante na vida Irlandesa. A cidade tem um coração medieval, elegantes georgians avenidas e em recente pesquisa foi apontado como o mais amigável País da Europa. A atmosfera das ruas é misturada com a música dos populares pubs Irlandeses, clubes, restaurantes e os cafés que contribuem para a sua popularidade como um dos principais destinos para as ferías.

Uma cidade universitária desde o século 16, este era o berço de gigantes da literatura tais como Joyce, Shaw e Wilde. Sua riqueza cultural é refletida no número de teatros, salas de concertos, museus e galerias de arte que fazem parte deste grande porto, armonicamente localizados na na baía de Dublin.
As cenicas montanhas de Wicklow e as encantadoras praias ao longo da costa estão a apenas alguns minutos de distância do centro da cidade, fazendo da cidade uma das mais atrativas da Europa para os estudantes, para turistas e naturalmente para o divertido e amigável povo que vive em Dublin. Em questão de amabilidade, o povo, a localização fazem de Dublin realmente um dos melhores lugares para viver e trabalhar.
Na Irlanda há um nível de amizada dificilmente encontrado na maioria das capitais europeias. Não se surpreenda se perguntar as horas para um Irlandes e acabar ouvindo a história da vida dele.

Estilo de vida :Uma cidade 24 horas que da a sensação de ser uma cidade grande, mas é ainda acessível a pé ou atravéz de ônibus. É aconselhável evitar o aluguel apartamentos novos do centro da cidade escolhendo a acomodação compartilhada em bairros afastados, ao sul ou norte do rio. O aluguel pode variar extremamente de acordo com a localização – Os bairros ao sul são mais caros do que para o norte mas oferecem uma atmosfera mais amigável.

Apesar da conhecida qualidade da cerveja e whiskes, os bares do centro fecham as 11 da noite. A partir deste horário você poderá continuar a festa nos clubes, os quais fecham somente entre 3 e 4 da manhã, com a música para todos os gostos. Os restaurantes podem ser muito caros, especialmente no centro, conseqüentemente é melhor comer nos pubs e nos cafés onde o alimento é de uma qualidade muito elevada e rica em diversidade.

Uma das grandes atrações e também orgulho dos irlandeses é a Cervejaria Guiness. Junto à fábrica há um museu que conta a história dessa típica cerveja irlandesa e do seu processo de fabricação.
Os pontos turísticos estão relativamente concentrados na região central da cidade, portanto é legal gastar um tempo andando pela ruas, como por exemplo a O’connel Street, o centro histórico (lá tem um castelo do ano de 1204) e a rua ao longo do canal.

A noite a melhor opção é conhecer o bairro Temple Bar, lugar onde ficam concentrados os bares, restaurantes e boates, mas não se esqueça que o agito dos irlandeses começa cedo.
Outra opção para quem está em Dublin é deixar a cidade e conhecer os seus arredores. Existe algumas excursões de um dia que não são muito caras e que te levam para conhecer as ruínas Celtas, os vales e cachoeiras de Wicklow dentre outro lugares legais. A Irlanda é muito interessante, vale a pena conhecer!

Tempo de vôo de Londres, Amsterdan, Paris, Barcelona, Milão: de 50 minutos a 1,5 horas.

Tempo de Vôo do Brasil para Europa: de 11 horas a 12 horas.

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. oie galera!! eu gostaria muito de entrar em contato com pessoas ligadas ao futebol irlandes, queria trabalhar e jogar futebol na irlanda, falo um ingles razoavelmente bom, falo espanhol fluentemente, e gosatria de alguma oportunidade relaciondas em qualquer area de trabalho, tenho 23 anos, e entrem em contato comigo e conversaremos melhor… abraço

  2. e ae galera, blza, Estou planejando minha viagem pra Irlanda somente pra 2009. Gostaria de saber qual o melhor epoca , apartir de Maio seria uma boa? Compensa fazer intercambio via agencias ou é melhor fazer tudo a avulso e por conta /

    fico no aguardo das dicas . obrigado

  3. Ola pessoa gostaria de ir para Dubin para trabalhar… alguem pode me informar quais os caminhos e providencias que tenho q tomar…gostaria de obter todas as informações possiveis….obrigado…

  4. Ola meu nome é Jefferson tenho 28 anos sou Arquiteto e Urbanista (formado a dois anos) chegarei em Dublim no fim de outubro queria saber de vcs como andam as ofertas de trabalho para minha área de formação, além de ter interesse em vagas de Cadista ou desenhista de arquitetura.Obrigado

  5. Olá! Estou indo para Dublin em Maio/09 e ficarei lá 1 ano. Sou desenhista, minha especialidade é retrato e caricatura. Gostaria muito de saber se os irlandeses dão valor para esta arte, se consigo viver disso na Irlanda enquanto eu estiver lá. Também tenho muito interesse de conhecer algum desenhista irlandes.

  6. Olá! Estou indo para Dublin em Maio/09 e ficarei lá 1 ano. Sou desenhista, minha especialidade é retrato e caricatura. Gostaria muito de saber se os irlandeses dão valor para esta arte, se consigo viver disso na Irlanda enquanto eu estiver lá. Também tenho muito interesse de conhecer algum desenhista irlandes. Muito Obrigado.

  7. Olá,
    Sou arquiteto formado a 1 ano e meio.
    Gostaria de saber sobre vagas de Cadista ou desenhista de arquitetura. Pois estou me organizado para estudar ingles na cidade e nos intervalos gostaria de trabalhar na minha área. Tenho AutoCad – Revit – Sketchup – Corel – Photoshop.
    Obrigado

    • Olá Rodrigo, infelizmente não tenho a resposta que procura, na verdade queria saberse vc conseguiu algum emprego na área. Sou projetista de moldes e vou para Dublin em dezembro. Trabalho.com autocad, solidworks, entre outrod. boa sorte e me avise se tiver uma vaguinha por ai. Abraço

Deixe uma resposta