Página Inicial Destino Américas Hola Santiago!

Hola Santiago!

Depois da aventura na fronteira do Chile, finalmente seguimos em direção ao destino final que era Santiago.

A viagem foi longa e durante o dia, então chegamos à capital Chilena um pouco antes do sol sumir. Não era a primeira vez que incluíamos Santiago no roteiro, então a minha mãe insistiu que ficássemos no mesmo hotel da primeira vez. Foi um risco, faziam mais de 10 anos da nossa primeira passagem por ali, muita coisa mudou e o hotel poderia não ter a mesma qualidade. Mas beleza, desembarcamos na rodoviária, que é um caos, tipo terminal do Tietê na hora do rush, e seguimos em busca de informações. Primeiro um mapa do metrô, depois localizar a estação que indicava no folheto do hotel, dai encontrar um acesso.

Não achamos a central de informações ao turista na rodoviária, se é que tem uma, então decidi gastar meu espanhol com os guardas que estavam de pé ali por perto. Nenhum dos dois sujeitos prestou muita atenção no meu pedido e me indicaram uma direção, seguimos a sugestão dos dois, andamos uns 200 metros até que avistamos uma placa de indicações do metrô bem no meio da rua. Isso!

Como não tinha achado a central de informações para o turista, também não tinha um mapa do metrô. A placa que indicava a entrada estava bem no meio do nada, isso no meio da rua, sem indicação de onde era a entrada mais próxima, que ao contrário do que imaginei era do lado oposto da rua onde estava a placa. Mas deu para localizar a estação do hotel, e a direção a seguir. Caminhamos de volta e passamos pela frente dos guardas, e descobrimos que a entrada era para o lado oposto do que eles mostram, e apenas alguns passos de onde eles estavam! Há! Uma placa de publicidade obstruía um pouco a visão, por isso não conseguimos ver da primeira vez.

Beleza, chegamos no hotel, o Conde Ansúrez, e não é que o bicho tá conservado!

O lugar é bem legal, mesmo sendo um pouco mais afastado do centro, a equipe é super gentil e tira todas as dúvidas do turista. Eles também vendem alguns pacotes para passeios.

Santiago é cercada pelas cordilheiras, uma das cidades mais modernas da América Latina e está a 520 metros de altitude. O clima lá é seco e no verão quente. Estive por lá em fevereiro. Regata, shorts, tênis, protetor solar e muita água para andar durante o dia pela cidade. Quando a noite chega é bom ter à mão um casaco leve.

Entre as coisas mais legais para fazer lá está a visita a Plaza das Armas, onde está a Catedral, o prédio do Correio e alguns edifícios bem modernos. Ali tem uma feirinha com artes, artesanato, livros…

O Museu de Belas Artes é organizado e nem todos os dias a entrada é cobrada. Além das exposições permanentes, as temporárias são interessantes. Vimos uma sobre a evolução das tirinhas e dos quadrinhos no Chile.

O Mercado Central é uma atração a parte, comer lá é caro, o local é voltado ao turismo. Mas pode-se comprar muitas coisas à granel e coisas bastante diferentes do que encontramos por aqui. Em algumas bancas com os atendentes de cabelos brancos, fica fácil parar e conversar fazendo mil perguntas sobre as coisas, mas tente fazer isso em uma que você realmente tenha interesse em comprar algo, porque eles não escondem a “chateação” se você sair de mãos abanando. No Mercado também tem os restaurantes que servem os caranguejos gigantes e muitos dos atendentes são, adivinhem só, brasileiros!

Segundo nos contaram, esses animais são encontrados apenas no litoral chileno e no Alaska.

Em Santiago, compramos um passe para os ônibus turísticos de dois andares, já comentei que não sou muito fã, mas acho bastante prático. Optamos pelos vermelhos da Turistik, o passe de 1 dia saiu 18.000 pesos chilenos. A empresa tem 11 paradas na cidade, áudios e vídeos explicativos que rodam o tempo todo, além de bancos confortáveis e ar-condicionado!

O Parque Metropolitano de Santiago é onde fica a famosa estátua da Virgem Maria e as pés da qual são celebradas missas ao ar livre. Lá de cima se pode ter uma ideia de toda a cidade e ver o quanto as Cordilheiras dos Andes estão perto. Para subir a maneira mais divertida é o Funicular, que é um trenzinho que sobre de lado. Tem também um passeio de teleférico, que se torna uma aventura quando os casulos batem em alguns galhos de árvores.

Do Parque Metropolitano até a casa do Pablo Neruda é uma boa distância de caminhada. Mas só andando por ali se descobrem as galerias e as lojinhas que ficam mais longe do alcance dos turistas. A casa está em ótimo estado, fica ao pé de uma ladeira e a placa de indicação não é muito grande. As visitas só podem ser feitas com guias, que oferecem o tour em inglês e espanhol. A entrada é paga, mas cada segundo ali vale.

A casa é conhecida como La Chascona, apelido que o poeta dava a companheira Matilde Urrita, por causa dos cabelos despenteados. É nesta casa que o visitante pode ver o prêmio Nobel vencido por Neruda, que está exatamente no lugar onde ele deixou.

Um lugar bem legal para ver o pôr do sol na cidade é o Cerro Santa Lúcia, mas uma dica: vá com o preparo físico em dia. O Cerro é uma formação rochosa de 70 metros de altura que desponta na cidade e a única maneira de subir é de escada.

Também não dá para perder a troca de guarda no Palácio de la Moneda, que é também a residência oficial do presidente do país. A troca ocorre sempre de manhã e eu juro que vi a primeira dana de pijamas na janela.

Depois não esqueça de marcar seu voo de volta ao amanhecer. A obrigação de acordar ainda de madrugada e o sono, são recompensados com mais de meia hora de voo sobre as Cordilheiras dos Andes com a luz da manhã. Um espetáculo para os turistas já saírem com saudades do país.

COMPARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. I precisely wished to appreciate you again. I do not know what I could possibly have implemented without the opinions discussed by you over such a area of interest. This has been a very horrifying matter in my opinion, but being able to see the very well-written tactic you resolved that forced me to leap with gladness. I’m just grateful for this support and in addition trust you really know what an amazing job your are providing educating other individuals by way of your blog post. Probably you haven’t encountered any of us.
    Nordstorm Dress http://www.nordstormdresses.com

Deixe uma resposta