Página Inicial Destino Américas Chicago – Comendo bem na terra do bacon.

Chicago – Comendo bem na terra do bacon.

Responda rápido: qual a comida símbolo da América? É, o bom, velho e gorduroso sanduíche está nas mentes de todo mundo. E o clichê tem razão de ser. McDonalds, Burger King, KFC e afins enchem nossa boca de água a anos.
Primeiro pelos filmes, séries, clipes, episódios, temporadas e Michael Douglas dando piti em fast food. Depois in loco, abrindo restaurantes (dá para chamar de restaurantes?) em todos os shoppings desse Brasilzão. Quem não sabe a música do big mac de cor? E ninguém acha bizarro ter um jingle dos anos 80 decorado.

Afogados em tanta informação de décadas de imperialismo cultural e gastronômico, a gente tem umas ideias bem malucas. Quem vai para Nova York pela primeira vez sempre pensa em comer cachorro-quente na rua. Mas por quê? Você acha mesmo que aquele dogão feito na rua vai ser delicioso? Para mim, a resposta é bem mais complicada. São incontáveis enlatados culturais mostrando que o famigerado hot dog é espetacular, é comida de rua, rápida, barata e gostosa. E a gente fica aqui, vendo tudo isso, querendo ser parte dessa cultura, se sentir incluído, do grupo. Não consigo imaginar um gringo abrir um baita sorriso ao encontrar uma baiana com um tabuleiro cheio de acarajés no pelourinho.

É aí que o turismo gastronômico transcende e se torna turismo cultural. Você já sabe o gosto daquele cachorro-quente, afinal você come ele aqui também no Brasil. Você quer é se sentir um deles. Sair para almoçar, parar na primeira carrocinha e abocanhar o seu dogão. E não há nada de errado com isso. O objetivo de toda viagem deve ser esse mesmo. O problema é quando você quer experimentar o clichê. Já vi gente sonhando com a oportunidade de comparar o quarteirão daqui e o de lá. Não dá para levar a sério. Você vai viajar não sei quantos mil quilômetros e vai “gastar” uma refeição com o Ronald? Não, né, amiguinho.

O que eu quero dizer é que dá para comer muito bem nos EUA. Então chega de filosofia de bar por hoje e vamos logo aos lugares para você provar a verdadeira comida americana. No episódio de hoje: CHICAGO!!!

Epic burger: Melhor lugar para comer hamburguer na Cidade dos Ventos. Uma lanchonete para lá de eco-friendly: a carne não tem hormônios, os ovos são retirados de galinhas criadas fora do galinheiro, os vegetais são orgânicos, os pães e os queijos feitos por pequenos produtores locais e as batatas fritas com casca. Some-se a isso smoothies feitos com frutas e não polpas, shakes de sorvete caseiro e decoração foda. E aí, ainda prefere o isopor industrializado? Entra no epicburger.com e veja as Epic rules para se fazer um verdadeiro hamburguer.
Epic Burger – 517 South State Street.

Cardápio da Epic Burger
Cardápio da Epic Burger

Hot Chocolate: O nome engana muito. O Hot Chocolate é um restaurante dos bons sem ter o nariz empinado. No menu vão desde opções para o brunch até as tradicionais sopas, saladas e carnes com cortes especiais. Tudo feito com ingredientes produzidos localmente. Mas o destaque mesmo são os chocolates: blends, smoothies, chocolate quente e frio acompanhados de marshmallows caseiros. Ah, os chocolates não tem conservantes nem aquela química toda que os gringos costumam embalar e mandar para cá. O restaurante fica no simpático bairro de bucktown e, se você for na primavera ou outono, caminhar pelas ruas tranquilas das redondezas é uma boa pedida. Recomendo também entrar no site e babar nas fotos da galeria (hotchocolatechicago.com).
Hot Chocolate – 1747 North Damen Avenue.

Chocolate gelado com marshmallow caseiro
Chocolate gelado com marshmallow caseiro

Goddess & Grocer: É a coisa mais parecida que eles tem com o nosso mercado municipal. Um lugar com saladas e produtos fresquinhos. Os sandubas e as saladas são feitos na hora, tem queijos e chocolates artesanais, biscoitos, sobremesas, massas, molhos, mostardas, condimentos, lanches, vinho e cerveja. Variedade é com os caras. No verão, vá na loja da Gold Coast. Perfeito para depois de uma caminhada na orla.
Goddess & Grocer – 25 East Delaware Place.

Salada do Goddess & Grocer
Salada do Goddess & Grocer

George’s Hot Dogs: O dog de Chicago é uma dessas tranqueiras que você precisa provar. Sabe por quê? Ele não tem molho de tomate, tem picles e tomate cortado em rodelas. Parece bizarro mas funciona.
George’s Hot Dogs – 1876 North Damen Avenue.

Hot dog chicagoan style
Hot dog chicagoan style

iCream: pense numa sorveteria maluca. A dona desenvolveu um método diferente de fazer sorvete. Ela congela tudo usando nitrogênio. Isso permite que ela faça o sorvete na hora. Você escolhe os ingredientes (tem gente que faz sorvete de sprite com amendoim), ela coloca numa tigela e liga a máquina que congela tudo e transforma em sorvete. O barato é inventar seu próprio sabor.
iCream – 1537 North Milwaukee Avenue.

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta