Página Inicial Concurso Cultural Concurso Cultural

Concurso Cultural

O Sair do Brasil em companhia com a Editora Leya, lança hoje um novo concurso cultural. Juntos iremos presentear 1 leitor com um livro “Lisboa em Pessoa”, de João Correia Filho.

Um jeito diferente de conhecer a capital Portuguesa. Neste guia, João Correia Filho propõe-nos uma viagem pela cidade de Lisboa segundo a ótica de um dos maiores poetas da língua portuguesa: Fernando Pessoa. O livro é simplesmente fascinante!

O Concurso Cultural Lisboa em Pessoa começa hoje dia 08 e irá até o dia 28 de fevereiro.

Quer saber como concorrer a um exemplar? É simples deixe um comentário dizendo o local que você recomenda a visita em Lisboa?

O resultado será divulgado no dia 04 de março aqui no site.

COMPARTILHAR

32 COMENTÁRIOS

  1. Mosteiro dos Jeronimos na Praça do Império em Lisboa.
    Por ser um local repleto de espiritualidade,história,religiosidade,cultura e beleza marcantes.

  2. Recomendo o café A Brasileira, que é um local onde se pode tomar um delicioso café e apreciar o vai e vem de pessoas na rua, ao lado de Fernando Pessoa.

  3. Recomendo o Pavilhão da Expo 98 de Lisboa projetado por Álvaro Siza. Belíssimo exemplar do arquiteto português, considerado o maior expoente atual na área.

  4. Um passeio inesquecível é mergulhar na vida do poeta Fernando Pessoa. A Casa de Fernando pessoa homenageia o grande autor sua memória,no bairro onde passou os seus últimos anos de vida, em Campo de Ourique.
    Além de contar com auditório, salas de exposição, locais para oficinas, possui uma biblioteca exclusivamente dedicada à poesia, além objetos e móveis que pertenceram ao poeta. A programação cultural é um atrativo à parte: encontros de escritores, debates, saraus e espetáculos musicais de artes cênicas, workshops, exposições , enfim, uma programação rica e diversificada, como a obra de Fernando Pessoa.

  5. Lisboa, terra do poeta Fernando Pessoa, o mais maravilhoso poeta já visto. É difícil delimitar um só local a ser visitado, cada pedaço da cidade carrega histórias e sensações indescritíveis. Mas pensando nos que, como eu, tem paixão pelo poeta e pretendem conhecer melhor suas manias, recomendo o restaurante “Martinho da Arcada”, no Terreiro do Paço , onde Fernando comumente gostava de fazer as suas refeições ou passar horas a fio escrevendo. Lá as paredes são decoradas com as suas fotografias e pode-se ainda, encontrar os melhores pratos da gastronomia portuguesa.
    Além de a “Brasileira do Chiado”, um café no centro do Chiado, onde os turistas podem ser fotografados junto à estátua de bronze do poeta.
    Nunca estive em Portugal, mas minha paixão por esse inegável gênio me faz pesquisar muito de sua vida. E tenciono visitar esses lugares algum dia. Gostaria muito de ganhar esta obra para assim ver, ao menos um pouquinho a mais, da cidade que recebeu minha grande inspiração poética: O mestre Fernando Pessoa.

  6. Recomendo a Praça do Restauradores, por simbolizar um acontecimento tão importante para os portugueses e para sua nação: a libertação de Portugal do domínio Espanhol. Na praça há um lindo obelisco, um marco. É um ponto turístico marcado pela história, passado e cultura de um povo, e principalmente do triunfo deste. E hoje, o antigo e o novo convivem, tendo ao redor da praça, muitas lojas e bares, além de ocorrerem vários eventos culturais no local.

  7. Lisboa é a minha cidade preferida. A cidade toda é perfeita mas como soh posso escolhe rum lugar então recomendo a parte de Belem, lah você encontra o mosteiro que é belíssimo, tem a torre de belem que de lá tenho a minha vista preferido pro tejo, o padrão dos descobrimentos junto com a rosa dos ventos, os museus,o planetário, dar uma descansada na praça do império e lógico e comer os pasteis de belem, que é o melhor doce que já comi

  8. Eu recomendo “visitar” o livro Lisboa em Pessoa, assim pode conhecer a os melhores pontos da cidade sem sair de casa e ainda, de brinde, se deliciar com uma ótima leitura. Depois disso, se você puder ir até Lisboa, saberá quais são os belos lugares com os conselhos de quem entende!

  9. Um bom livro faz a gente viajar sem sair do lugar! Eu recomendo o livro Lisboa em Pessoa. Assim pode conhecer a linda Lisboa sem sair do Brasil. Não é incrível?

  10. Sonho em sair do Brasil para conhecer outros povos, outras culturas… Minha irmã me falou desse site e eu não acreditei! O site é muito bom para quem tem o mesmo sonho que eu, essa matéria então… nossa, sem palavras! Será possível existir um livro que reúne minhas 3 paixões? Leitura, fotografia e Fernando Pessoa, tudo em um só lugar! Não conheço Portugal, pensava em começar minha viagem pela França, mas já estou curiosa, tenho certeza de que mudarei meu roteiro, quero conhecer Lisboa para pagar a dívida que deixarei aqui. Quero ganhar este livro para então dar o meu conselho que, com certeza, depois de seguir o roteiro proposto, não vai decepcionar.
    Voltarei para pagar a dívida!

  11. Recomendo uma visitinha até a casa de minha irmã, pois a baixinha não é mole não…ela é uma excelente guia turística, pois reside em Lisboa há 5 anos…ela adora mostrar aos amigos cada pedacinho de Lisboa…no tour pela cidade, vai bater um papo gostoso e divertido, pois é uma pessoa solícita, hospitaleira e adora prosa… e para fechar o passeio com chave de ouro,uma gostosa refeição, feita por minha irmã, com pasteizínhos de Belém de sobremesa, regado a um belo vinho do Porto, afinal, estamos em Portugal…que tal????

  12. Eu recomendo o Estádio da Luz.Sua beleza arquitetônica é de deslumbrar, não tem preço poder estar no Ninho da Águia, e viver toda sua imensidão em meio a um povo alegre e caloroso.Um passeio inesquecível, que com certeza, ficará marcado para sempre no coração, de quem como eu, é apaixonada por futebol.

  13. Enquanto Lisboa não vem

    Era um dia qualquer de setembro. Outono na Europa. O comandante do avião anunciou: em 5 minutos desceremos em Lisboa, o coração acelerou. Não por medo. Por emoção. Lisboa é uma das minhas paixões.
    Lisboa é fascinante. Bonita, sedutora. Está na hora de voltar.
    Se perder em Lisboa, deixar os pés nos guiar, sem medo, sem horário. Pegar o Metro. Assim mesmo, Metro e não Metrô. Estações limpas. Bonitas.
    Andar de Metro em Lisboa é uma boa pedida turística. Bonito e barato. As estações rendem boas fotografias. E pode-se conhecer Lisboa de Metro, basta mudar de linha e “picar” o bilhete uma só vez. Andar de eléctrico, como os portugueses chamam o bonde, outra boa pedida. O eléctrico 28, que sai da Praça Martin Moniz, é um charme. E passa por belíssimas igrejas.
    E vamos conhecer o Rossio, Restauradores, o Bairro Alto, a Baixa, Alfama, o Chiado, Belém e seus famosos pastéis doces, o Cais do Sodré, a Lapa, o Terreiro do Paço, a Rua Augusta, a Avenida Liberdade, o Castelo de São Jorge, local que privilegia uma belíssima visão de Lisboa e do Tejo. E ainda a beira do Tejo, o Parque das Nações onde está o maior aquário da Europa, o Oceanário de Lisboa, com suas mais de 15 mil espécies de cinco oceanos, a Torre de Belém, construída em 1520, o Padrão dos Descobrimentos, o Campo Pequeno (onde acontecem as touradas).
    E para quem gosta de shopping, o modernoso Centro Comercial Vasco da Gama, El Corte Inglês, Colombo.
    Mas é a pé que Lisboa é nossa. O que seria impensável em São Paulo, Rio de Janeiro, em Lisboa é tudo de bom. Basta você andar. As distâncias são relativamente curtas, os sítios, como falam os portugueses, são próximos uns dos outros para os nossos parâmetros. Afinal, Lisboa é uma capital com menos de 500 mil habitantes.
    E no caminho você encontra as cafeterias, como A Brasileira, no Largo do Chiado, com a estátua de Fernando Pessoa. E nelas, pastéis doces, filhoses, vinhos, cervejas e bica, como os portugueses chamam o cafezinho. Não se acanhe: peça imperial e virá um chope. Brasileiros e alemães bebem imperial Sagres, chope forte, encorpado.
    Mas é preciso também comer: gambas, chocos grelhados, arroz de tamboril, carne de porco, mariscos, como os portugueses chamam os frutos do mar, sapateira, santola, prego no pão, bifana no prato e… bacalhau, de diversas maneiras.
    E para quem gosta, fado. São várias as casas de fado.
    Mas, Lisboa é muito mais que isso. Para descobrir, vocês vão ter que ir até lá. Lembrem de mim e me convidem.

  14. EU RECOMENDO UMA VISITA INESQUECÍVEL,PELO BAIRRO ALTO,QUE TEM POR CARACTERISTICAS,A CULTURA ALFACINHA QUE AQUI É BEM ACENTUADA…, QUE FOI IMORTALIZADA ,PELA CANTORA AMÁLIA RODRIGUES…;E QUE ATÉ HOJE ,É FONTE DE INSPIRAÇÃO,PARA TODOS OS FADISTAS…

  15. Não conheço Lisboa para recomendar algo a ser feito por lá…
    Mas seguramente eu lhe digo: Quando for até lá vou descobrir onde estarão os melhores pastezinhos de belém da terrinha! Hummm…
    Além disso, quero muito subir o Castelo de São Jorge e de lá admirar a bela vista da cidade!
    Espero que não demore muito… =)

Deixe uma resposta